Martírio de José impulsiona audiência de Gênesis, da Record

Gênesis
Juliano Laham (José) em Gênesis; folhetim bíblico da Record cresce na audiência na primeira semana de outubro (Imagem: Reprodução / Record)

Embora já conhecida do telespectador da Record, graças à minissérie produzida em 2013, a saga de José do Egito (Juliano Laham) tem impulsionando a audiência de Gênesis. Os capítulos exibidos entre 4 e 8 de outubro, centrados na injusta prisão do protagonista, renderam a maior média semanal da novela desde junho. Os dados de audiência são referentes a Grande São Paulo.

Gênesis registrou 12,6 pontos, o melhor desempenho desde os 13,1 marcados entre 14 e 18 de junho – quando o folhetim bíblico acompanhava a jornada de Abraão (Zécarlos Machado). O êxito, claro, impactou na concorrência. A edição especial de Carinha de Anjo (2016) garantiu apenas 6,2 de média, abaixo dos 7,3 emplacados pela antecessora Chiquititas (2013).

O bom momento de Gênesis embalou os números de Quando Chama o Coração. A série internacional repetiu sua maior audiência, 8,1 pontos.

Cabe salientar que, até o momento, a trama bíblica acumula 12,3 de média. Trata-se do índice mais expressivo da faixa desde os 14,5 de A Terra Prometida (2016). Quando Chama o Coração, por sua vez, ultrapassou a reapresentação de Topíssima (2019), que, com os mesmos 32 episódios, alcançou 6,2. Tais números ampliam a vantagem da Record sobre o SBT no horário nobre.

Prova de Amor (2005), em reprise nas tardes da emissora, também se saiu bem na última semana. Os 6,3 pontos da produção amealharam a vice-liderança com tranquilidade… Até o momento, a obra assegura 5,7 de média parcial, acima de Belaventura (2017), que atingiu somente 4,5 com os 61 capítulos de sua reexibição. O desempenho também é superior ao de Escrava Mãe (2016), com 5,3.

Gênesis vai dar lugar a Reis, ainda sem data prevista para lançamento. Até o momento, a nova novela definiu apenas o diretor geral, Juan Pablo Pires. Ainda não há informações sobre as substitutas de Quando Chama o Coração e Prova de Amor.

Duh Secco
Duh Secco é  "telemaníaco" desde criancinha. Em 2014, criou o blog Vivo no Viva, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.
Veja mais ›