Mudança de horário e feriado espantam audiência do Jornal Nacional

Jornal Nacional
William Bonner no comando do Jornal Nacional, da Globo; virada de ano afetou desempenho em audiência do noticiário (Imagem: Reprodução / Globo)

O Jornal Nacional oscilou (e muito!) na audiência entre os dias 30 de dezembro e 2 de janeiro. A virada de 2020 para 2021 impactou o noticiário da Globo, conduzido – apesar do feriado – pelos titulares Renata Vasconcellos e William Bonner. Curiosamente, o melhor índice nestes dias ficou por conta do sábado (2), quando, seguindo “a regra do jogo”, os números caem.

Dados obtidos na Grande São Paulo mostram que o Jornal Nacional de quarta-feira (30) registrou “apenas” 21,6 pontos, 23,5 de pico e 36,9% de participação no número de televisores ligados (share), das 19h59 às 20h34 – em razão do Futebol 2020.

Na quinta-feira (31), o telejornal caiu para 20,6 pontos, 21,8 de pico e 41,5% de share, entre 20h29 e 21h36. A reação começou na sexta-feira (1°), com 23,7 pontos, 26,6 de pico e 40,3% de share, das 20h30 às 21h22.

Já no sábado, o JN marcou 25,9 pontos, 26,9 de pico e 41,4% de share, entre 20h30 e 21h19 – na segunda-feira (28), 28,9 de média; na terça-feira (29), 27.

Os demais noticiários exibidos pela Globo mantiveram os índices habituais de audiência. O Bom Dia Brasil caiu apenas na sexta (5,3 pontos), quando recebeu de uma sessão de filmes programada para a virada.

O Jornal Hoje segurou, nos dois últimos dias de 2020 e nos dois primeiros de 2021, dois dígitos. O mais alto número, 13,3 de média, se deu também no sábado. O mesmo para o SP1 (13,9) e com o Globo Esporte (14,3).

Ainda, o SP2, que acompanhou o desempenho do Jornal Nacional. Na quarta, entre 18h46 e 19h16, o telejornal ancorado por Fábio Turci garantiu somente 17,7 pontos, 18,9 de pico e 33,6% e de share. Na quinta, 19,3. No dia seguinte,19,1. Por fim, o sábado, quando o informativo local emplacou 21,4 pontos, 22,8 de pico e 36,5% de share, das 19h21 às 19h48.

Duh SeccoDuh Secco
Duh Secco é  "telemaníaco" desde criancinha. Em 2014, criou o blog "Vivo no Viva", repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.
Veja mais ›