Natuza Nery solta o verbo e diz que Bolsonaro acabou após chiliques em protestos

Natuza Nery
Natuza Nery detona Jair Bolsonaro durante comentário na GloboNews (Imagem: Reprodução / GloboNews)

Jornalista da GloboNews, Natuza Nery fez um comentário forte sobre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e seus discursos golpistas nos protestos de Brasília e São Paulo na última terça-feira (7). “O governo dele acabou”, afirmou.

A comentarista do canal de notícias da Globo disse que nomes próximos de Bolsonaro no Congresso Nacional estão arrumando as malas de saída do governo.

“Hoje ficou absolutamente claro: ele foi para o tudo ou nada. Ele não tem mais nada a perder, o governo dele acabou. Ele pode cumprir o seu mandato, ele pode eventualmente disputar e ser reeleito [em 2022], mas esse governo tal qual ele conheceu e concebeu ao ser eleito em 2018, esse governo acabou”, reforçou.

“O governo não tem nenhuma capacidade gerencial, a economia está despencando e o governo é incompetente para dar uma resposta que resolva a vida dos brasileiros”, detonou.

Durante a fala de Natuza Nery, a GloboNews exibiu imagens dos protestos pró-governo em Brasília e em São Paulo. Na capital paulista, o ato antidemocrático ficou restrito a algumas quadras da Avenida Paulista. “Bolsonaro hoje deu a prova mais cabal que ele está absolutamente desconectado da vida real dos brasileiros”, disparou.

Em seu discurso golpista, Bolsonaro atacou o ministro Alexandre de Moraes. “Dizer a vocês, que qualquer decisão do senhor Alexandre de Moraes, esse presidente não mais cumprirá. A paciência do nosso povo já se esgotou, ele tem tempo ainda de pedir o seu boné e ir cuidar da sua vida. Ele, para nós, não existe mais”, expressou.

“Ou esse ministro [Alexandre de Moraes] se enquadra ou ele pede para sair. Não se pode admitir que uma pessoa apenas, um homem apenas turve a nossa liberdade. Dizer a esse ministro que ele tem tempo ainda para se redimir, tem tempo ainda de arquivar seus inquéritos. Sai, Alexandre de Moraes. Deixa de ser canalha. Deixa de oprimir o povo brasileiro, deixe de censurar o seu povo. Mais do que isso, nós devemos, sim, porque eu falo em nome de vocês, determinar que todos os presos políticos sejam postos em liberdade”, manifestou.

Confira:

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›