Pâmela Tomé desabafa sobre assédio diário e relata experiências

Pamela Tome
Pâmela Tome relata experiências de assédio e faz desabafo (Imagem: Reprodução / Instagram)

No ar na novela Gênesis, da Record, Pâmela Tomé, 27 anos, já sofreu e sofre diariamente assédio, principalmente nas redes sociais. Durante entrevista à Quem, a jovem lamentou que, infelizmente, muitas mulheres ainda tenham que enfrentar esse tipo de situação.

Nós mulheres vivemos uma luta diária. Sendo muito sincera, sou assediada todos os dias. É a realidade da mulher no Brasil. Somos assediadas na rua, na farmácia, comprando pão, andando na praia, em festas. Às vezes, recebo vídeos de pornografia no meu Instagram, fotos, mensagens desrespeitosas“, contou a atriz que fez sucesso em diversas novelas da Globo, como com as personagens: Alina, de Malhação Seu Lugar no Mundo e Pro Dia Nascer Feliz; Paty em Sol Nascente; e Jane, de Orgulho & Paixão.

A famosa acredita que muito ainda precisa ser mudado: “É sempre um estresse. Você sai de casa sabendo que precisa se defender, se proteger e ficar em estado de atenção. Tirando o fato de ainda ter que se preocupar se está colocando uma roupa curta demais para ir em determinado lugar e em determinados horários. Não porque temos que usar outro tipo de roupa, mas sim porque já sabemos o problema que vai dar se sairmos com ela naquele momento”.

Além disso, Pâmela ressaltou a importância das mulheres denunciarem qualquer tipo de assédio e agressão. “Acho que estamos vivendo um momento muito importante em relação a isso. As mulheres estão se unindo e se encorajando cada vez mais. Quando você vê que não está sozinha, mesmo com medo (sempre vai existir o medo), você precisa se salvar e colocar a boca no mundo“, complementou.

Em seguida, Tomé fez um pedido para que a população esteja sempre atenta às denuncias e disposta a ajudar as mulheres que sofrem com essas experiências:

“Só espero que os olhos sempre estejam voltados para essas denúncias e que cada vez mais as pessoas consigam entender que a culpa não é da mulher, que parem de colocar a culpa na vítima, na maneira que ela se veste, nas fotos que ela posta, ou, em casos mais graves, quando a mulher ainda é tachada de louca. Além de ter que superar o medo para falar os traumas de ter vivido um assédio, ela ainda tem que se preocupar de passar de louca? Não! Mulheres, falem! Peçam ajuda!”.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›