Patrícia Poeta retorna ao É de Casa após cirurgia de risco e desabafa ao vivo

Patrícia Poeta
Patrícia Poeta fez desabafo sobre volta ao trabalho (Imagem: Reprodução / Globo)

Patrícia Poeta voltou ao É de Casa, da Globo, neste sábado (25), após um afastamento por causa de uma cirurgia de emergência nas amígdalas. A apresentadora agradeceu pela volta aos estúdios e desabafou sobre o momento que viveu.

Diante de um espelho, numa dinâmica do semanal, ela comentou o sentimento. “Tá aliviada, tá feliz de estar viva, né minha filha. Se antes você valorizava as pequenas coisas da vida, hoje então… O que dizer de hoje? Acordar com saúde, vir aqui trabalhar, fazer o que você ama é mais do que um bom dia. É motivo para celebrar”, declarou a jornalista.

“Seja bem-vinda de volta à vida, de volta ao trabalho que você tanto ama e que tava com saudade com certeza. E seja bem-vinda à companhia do pessoal de casa, por quem você tem um carinho e gratidão enorme”, completou Patrícia Poeta.

A global também exaltou o fato de poder estar podendo falar com o público. Segundo ela, nas últimas ficou sem poder sequer falar devido a cirurgia.

Nos últimos dias, Patrícia fez um desabafo no Instagram. Elaa postou uma foto com um livro e contou que a leitura tem sido uma grande aliada atualmente. “Nesses dias, em repouso, sem falar, uma das coisas que mais me fizeram bem e me ajudaram a enfrentar essa fase foi… ler”, iniciou.

“Esse livro aí de cima é o número 1 na lista do New York Times. ‘10% mais feliz’ é de Dan Harris, um dos conhecidos âncoras da rede de TV americana ABC. Nesse livro, ele se despe de todas as máscaras e aparência que não condizem com sua verdade. Expõe sua vida e suas fraquezas. Divide seus sentimentos e pensamentos mais cruéis do subconsciente. E depois disso, conta como conseguiu equilibrar a paz espiritual com os desafios da profissão e do meio onde trabalha”, seguiu.

Mostrando que realmente tem se dedicado ao assunto, Poeta finalizou: “Fala também sobre contemplar o momento presente, viver o agora pra valer….( coisas que sempre tento seguir). E, mais do que isso, fala sobre a ‘impermanência’ de tudo ao nosso redor: de termos a consciência de que as coisas boas e ruins não são pra sempre na vida da gente. E por isso, a necessidade de nos desapegarmos delas. A partir do momento que temos isso em mente, sabemos recomeçar do zero – com mais força. Faz todo sentido…”.

MAIS LIDAS

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]
Veja mais ›