Pedro Manso se envolve em polêmica e defende a “família tradicional”

Pedro Manso
Pedro Manso se manifesta sobre a polêmica envolvendo Superman bissexual (Imagem: Reprodução / SBT)

O humorista Pedro Manso, conhecido pelo seu trabalho em quadros e programas do SBT, mergulhou na a polêmica envolvendo Maurício Souza, jogador de vôlei que criticou a HQ do Superman como bissexual com um ataque homofóbico.

O famoso usou o Instagram e compartilhou um post do herói ao lado da esposa e do filho. “Família benção de Deus!”, defendeu. Nos comentários, os fãs do comediante apoiaram Maurício Souza.

“Para sempre tradicionais”, assegurou um. “Também concordo”, expôs outro. “O povo só inventa, quer fazer um super-herói gay inventa um, mas não fica mudando o que a gente já conhece, que mundo estamos vivendo”, disparou um terceiro.

“Concordo! Saudade dos Anos 80, 90… Que tudo era uma brincadeira sadia. Hoje em dia [estamos] nas mãos desses maconheiros, tubérculos, filhos do Capeta”, surpreendeu mais um.

Por outro lado…

Juliano Dip, âncora da BandNews, usou o seu espaço no Manhã BandNews e criticou abertamente Maurício do vôlei. Depois da matéria sobre a saída do atleta do Minas Tênis Clube, o apresentador comentou:

“Pois é. Eu estava olhando aqui os seguidores do Maurício na internet. Ele tem 270 mil seguidores no Instagram. O Douglas Souza que se assumiu homossexual na Olimpíadas de Tóquio, tem 3 milhões de seguidores”.

“Onde a gente vai parar, Maurício? Numa sociedade que não dá audiência para quem é homofóbico e que dá aplauso e muito espaço para quem se assume e quem se aceita sem ferir o direito do outro de ir e vir”, reagiu.

Na última quinta-feira (28), no Globo Esporte SP, Felipe Andreoli criticou o atleta por seu pensamento retrógrado sobre homossexuais.

“Maurício, homofobia não é opinião, é crime, cara, mata. Você fez essa ofensa nas redes sociais que você tem mais de 300 mil seguidores. Depois, foi pedir desculpa em uma que você tem 50? Atitude covarde, hein?”, questionou.

“Você foi demitido porque você foi homofóbico e, pelo jeito, não se arrependeu. Homofobia é crime e não se respeita”, complementou.

Confira:

MAIS LIDAS

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›