Preta Gil surge de biquíni em foto e fãs provocam Mayra Cardi

Preta Gil
Preta Gil exibe curvas e é ovacionada na web (Imagem: Reprodução / Instagram)

Preta Gil compartilhou uma imagem que deu o que falar na web. Feliz com o próprio corpo, a cantora surgiu de biquíni na praia e o público adorou. O momento, que era de elogios, acabou como uma indireta para a coach Mayra Cardi.

O clique da famosa foi durante uma folga em plena terça-feira. “De folga na minha cidade amada, vim dar um mergulho no mar do Rio pela primeira vez em 2019! Antes tarde do que nunca”, brincou.

Amigas famosas reagiram rapidamente. “Musa”, escreveu Cleo Pires. “Gostosa”, enalteceu Ana Paula Renault. “Deusa”, escreveu Hana Khalil. “Maravilhosa”, disse Ana Hikari.

Os elogios e os pedidos para mais posts verdadeiros e sem edição também pipocaram imediatamente após a publicação. “Por mais mulheres reais”, pediu mais uma. “Maravilhosa”, destacou outra. “Mulher original é outro nível!”, alfinetou uma terceira

Nas declarações, um seguidor de Preta Gil mandou um recado para Mayra Cardi, coach sobre alimentação e bem-estar. “Corre aqui Mayra, vem aprender o que é uma delícia de verdade, amada”, disparou

“Olha, Mayra Cardi, que perfeição. Cada uma perfeita como se sente melhor”, completou mais uma.

Confira:

Preta Gil combate racismo em peça de teatro

Na peça que classifica como autobiográfica, Mais Preta do que Nunca, em cartaz no teatro XP Investimentos, Preta Gil fala sobre racismo e lembra situações discriminatórias que sofreu desde a infância, como quando foi chamada de “filha de macaco” pela mãe de uma coleguinha e de quando utilizou termos racistas por falta de conhecimento, como “mulata” e “denegrir”.

“Sempre me considerei preta. Nesse debate em Salvador chegaram a me colocar em xeque, tentaram me embranquecer, fiquei chocada. Tenho consciência dos meus privilégios, sei que ser filha de pai preto com uma mãe branca me traz outras questões e sei também que mulheres retintas (com a pele mais escura) sofrem coisas pelas quais nunca passei. Foi um processo doloroso, mas depois disso a Taís Araújo me colocou em um grupo no WhatsApp com outras mulheres negras que me ensinaram muita coisa”, afirmou em entrevista ao jornal Extra.

A cantora ainda explicou que o projeto é sério. “É um grupo denso e absolutamente necessário. Ali são mulheres que se apoiam, e que também fazem discussões nem sempre felizes. Racismo é algo perverso e assola o Brasil de cabo a rabo”.

A filha de Gilberto Gil ainda falou sobre a importância do Dia da Consciência Negra, celebrado todo 20 de novembro. “Tem muita gente que diz ‘não sou racista’, ‘tenho até amigos negros’, nada mais racista do que isso, ou até tem quem realmente não seja, mas ainda não é antirracista. Ou seja, ainda precisamos de quem combata essas atitudes no dia a dia até das outras pessoas”, disse.

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

WordPress Lightbox