Processo acaba e Justiça toma decisão sobre imbróglio entre Xuxa e Marlene Mattos

Xuxa
Xuxa Meneghel na Globo; apresentadora é processado por ex-diretora (Imagem: Reprodução / Globo)

A apresentadora Xuxa Meneghel escapou de uma punição da Justiça após uma declaração envolvendo Marlene Mattos, sua ex-diretora na TV. Em janeiro deste ano, a famosa afirmou que a relação de trabalho com a veterana foi inadequada.

A loira foi processada foi alvo de um B.O logo depois. O 9º Juizado Especial Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro inocentou Xuxa e arquivou o processo. A informação é do Notícias da TV.

À revista Veja, a ex-contratada da Record contou que Marlene Mattos tinha um nível de influência tão grande em sua vida que decidia como deveria falar, se vestir e até namorar. “Nem eu sei como me sujeitei a tudo isso e por tanto tempo. Não tinha voz ativa e obedecia ordens”, relatou.

A comunicadora informou que foi “roubada, enganada, usada e manipulada”“Não fico mais quietinha porque isso pode não ser bom para a minha imagem”, avaliou.

Marlene Mattos foi até a 42ª DP do Rio de Janeiro e registrou um boletim de ocorrência contra a apresentadora e sua ex-parceira de trabalho. Na época, a profissional expôs o seguinte no B.O, que foi divulgado pelo jornal O Globo:

“Descreve-se neste momento trecho da entrevista onde resta claro o crime cometido pela Autora. O entrevistador faz a seguinte pergunta. “Antes de assumir o controle de sua carreira e negócios levou muitos golpes?” resposta, “Olha, eu poderia ser duas ou três vezes mais rica. Fui tudo o que as pessoas imaginam: enganada, usada, manipulada, roubada. Quando falo disso, vem logo a imagem da Marlene, mas não foi só ela. Insisto em dizer que confiei demais em todas as pessoas próximas a mim. Fui passada para trás por coreógrafo, maquiador, fotógrafo. Digo sem vergonha que fui inocente, boba, burra mesmo”.

Na decisão judicial, a magistrada Simone Cavalieri Frota arquivou o caso e concordou com o Ministério Público, que ressaltou o fato de ter se passado seis meses desde o início do conflito, o prazo máximo para a punição após o registro do boletim. O MP também entendeu que Xuxa não falou nada demais.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›