Record finge demência e não exibe discurso de Lula após anulação de condenações

Record
Por meio do seu principal telejornal, Record ignora boa parte do discurso do ex-presidente Lula na última quarta, 10 (Imagem: Reprodução – Record / Montagem – RD1)

A Record fingiu que não viu e fez uma “nota de rodapé” para o primeiro discurso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) após as anulações das condenações envolvendo os seus processos na Lava Jato de Curitiba, por decisão do ministro Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal).

Enquanto Globo, Band, SBT e até RedeTV! dedicaram alguns minutos sobre o pronunciamento do líder político, a Record falou pouco sobre o principal assunto do dia e apenas noticiou um dos trechos do discurso: o momento em que Lula agradece Fachin pela decisão que o colocou de volta no páreo pela presidência da República na eleição de 2022.

O telejornal exibiu segundos da parte em que Lula afirmou que desde 2016 sua defesa sustentava a tese que foi ouvida e entendida por Fachin contra o ex-juiz Sergio Moro.

A linha editorial anti-Lula começou na Record News, que não exibiu as declarações do ex-presidente ao vivo, ao contrário de GloboNews, CNN Brasil e BandNews. O líder do PT falou por quase 1 hora e 30 minutos para aliados e imprensa, no início da tarde de anteontem (10).

O Jornal da Record não colocou no ar momentos importantes do evento, como por exemplo a fala de Lula contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e seu auxiliar, o general Eduardo Pazuello, ministro da Saúde:

“Quero fazer propaganda para o povo brasileiro: não siga nenhuma decisão imbecil do presidente da República ou do ministro da Saúde. Tome vacina! Tome vacina! É uma das coisas que pode livrar você da Covid!”.

No comando do país por 8 anos, Lula prometeu uma briga ferrenha contra Sergio Moro na Justiça. “Nós vamos continuar brigando para que o Moro seja considerado suspeito, porque ele não tem o direito de se transformar no maior mentiroso da história do Brasil e ser considerado herói por aqueles que queriam me culpar. Deus de barro não dura muito tempo”, atacou.

Confira:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.
Veja mais ›