Record News aposta em sangue e tragédia para vencer concorrentes

Record News
Programação da Record News apela por audiência (Imagem: Reprodução / Record News)

Mesmo com a CNN Brasil e a GloboNews na TV paga, a Record News se viu na obrigação de apelar por mais telespectadores. Para isso, o canal de notícias da Record apostou em sangue, desespero e até assassinatos à queima-roupa. O mundo-cão tomou conta da programação para bater de frente com os seus concorrentes.

Na última quarta-feira (1º), uma reportagem mostrou o assassinato do funcionário de uma pizzaria, que foi esfaqueado inúmeras vezes durante um assalto. Toda a cena, desde a chegada dos criminosos até a tensão na hora do assalto no ataque dos bandidos contra a vítima foi passada mais de uma vez na tela. As informações são do site Notícias da TV.

Vale ressaltar que o canal paulista se tornou uma extensão da emissora mãe, com reprises de produções jornalísticas como o Boletim Jornal da Record, o Fala Brasil, o Balanço Geral SP, o Câmera Record e o principal telejornal da emissora, o Jornal da Record. A leveza fica por conta do A Hora da Venenosa.

Agressões físicas e até um homem sendo assassinado na porta de um condomínio foram alvo da emissora nos últimos dias. Ao contrário dela, a GloboNews sempre apostou no jornalismo mais sério e raramente leva ao seu público situações constrangedoras.

O mesmo faz a CNN Brasil desde a sua estreia, em março deste ano. Com uma programação ligada ao mundo político, econômico e nos últimos três meses à pandemia do novo coronavírus, o segmento mostrou os dois lados do jornalismo. Lembrando que o novo canal tem como CEO Douglas Tavolaro, o ex-chefão da Record.

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.