Regina Duarte garante posse de imóvel após 30 anos

Regina Duarte
Regina Duarte tem vitória na Justiça envolvendo imóvel em bairro de luxo (Imagem: Reprodução / Globo)

Regina Duarte obteve êxito em uma ação judicial envolvendo um imóvel localizado em Alphaville, na Grande São Paulo, usado por ela nos últimos 30 anos. Três décadas depois da compra, a ex-contratada da Globo adquiriu o direito de possuir a matrícula da propriedade.

Tudo começou em 1994, quando Regina era casada com o diretor Antônio Rangel (1955-2020). Segundo o Notícias da TV, a atriz comprou do então marido o apartamento de 52 m² no bairro Alphaville Industrial, em Barueri, com um contrato de gaveta, documento simples de compra e venda.

O casamento dos dois terminou um ano depois, em 1995, e com ele o início desse imbróglio sem o conhecimento dela. Em 2019, Regina Duarte reorganizou sua vida e descobriu o problema. Ela acionou os seus advogados, que entraram com ação de usucapião.

Na primeira quinta-feira de novembro, dia 4, a ex-secretária de Cultura do governo federal recebeu uma sentença favorável da juíza Daniela Nudeliman Guiguet Leal, da 2ª Vara Cível do Foro de Barueri, e encerrou a irregularidade.

Em julho deste ano, com a morte de Antônio Rangel, a artista publicou uma frase em homenagem ao ex-marido: “O que levamos dessa vida é o amor”. Os dois foram casados entre 1983 e 1995.

Regina Duarte faz homenagem a Gilberto Braga

No final de outubro, Regina escreveu um texto em tributo a Gilberto Braga, autor de novelas consagradas da Globo. A veterana ressaltou a importância do escritor na história das novelas do país e lembrou que por causa dele que os telespectadores viram “algumas das maiores vilãs da novela contemporânea”.

Duarte citou a sua personagem na novela exibida no final da década de 1980, Raquel, de Vale Tudo. “Ao Gilberto devo um dos papeis mais importantes e desafiadores de minha carreira: a Raquel de Vale Tudo”, expôs ela, que completou:

“Através dele pudemos nos ver como num espelho, como seres responsáveis, realizadores, vilões ou vítimas neste nosso Brasil. Como atriz, como espectadora, como colega nos corredores do trabalho e da vida… Que fique registrada para sempre, a minha gratidão a Gilberto Braga. E meus sentimentos à sua família”.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›