Repórter do É De Casa é preso em globo da morte e tem crise ao vivo

É De Casa
Repórter Marcos Paiva no globo da morte ao vivo no É De Casa (Imagem: Reprodução / Globo)

O É De Casa deste sábado (2) foi traumático para o repórter Marcos Paiva, que recebeu uma missão suicida da produção do programa da Globo. Ele apareceu em um picadeiro para dar informações sobre a retomada do trabalho dos circos pelo país depois da paralisação por causa da pandemia.

O jornalista foi alvo de uma ação dentro de um globo da morte e entrou em desespero. Ele conversou com Cissa Guimarães e Thalita Morete direto de um circo em Sorocaba, no interior de São Paulo.

“Durante a pandemia, esse pessoal sofreu demais!”, afirmou. Depois, ele falou sobre o temido globo da morte. “Esse pessoal tem um negócio muito bacana, que é o globo da morte com seis motos. Esse lugar é apertadinho, vou mostrar para vocês. Vou tentar entrar só para mostrar para vocês”, avisou.

Dentro do local, um dos palhaços do circo lacrou a porta e dois motociclistas começaram o trabalho. “Não me fecha aqui, palhaço. Você está brincando que vocês vão fazer isso. Vocês vão rodar?”, questionou.

Os profissionais andaram ao redor do contratado da Globo, que gritou desesperado. “Senhor, estou com medo. Meu Deus do céu! Olha o que esses caras estão fazendo”, argumentou.

“Pode parar. Já está bom. Não vamos arriscar a sorte. Abre aqui! Deixa eu sair. Olha, eu quero dizer um negócio para vocês: esse link foi uma verdadeira palhaçada”, disparou.

Desabafo

No mesmo programa, Ana Furtado emocionou o público com um desabafo sobre o Outubro Rosa. Ela venceu o câncer e comentou que a fase foi uma espécie de renascimento.

“Descobri um tumor na minha mama esquerda. Nunca achei que pudesse acontecer comigo, descobri por um exame de rotina”, começou.

“Se hoje tô aqui viva, falando com vocês, é porque esse alerta chegou a mim. Se esse recado salvar a vida de pelo menos uma mulher, já terá valido a pena”, disse.

“Vim de rosa porque essa cor simboliza essa campanha, que é tão importante compartilhar com homens e com mulheres”, expôs.

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›