Sabrina Petraglia revela expectativa para nascimento da filha

Sabrina Petraglia
Na reta final da gravidez, Sabrina Petraglia falou sobre a expectativa para a chegada de Maya, sua segunda filha (Imagem: Reprodução / Instagram)

Às vésperas de dar à luz Maya, Sabrina Petraglia falou da expectativa para o nascimento da filha. Em entrevista à coluna de Patrícia Kogut, do jornal O Globo, a atriz descreveu os preparativos para o momento do parto. 

“Quando cheguei em 35 semanas, já me deu um frio na barriga, porque Gael nasceu com 34, prematuro. Me preparei com doula, mas tive que fazer uma cesariana de emergência. O coração dele estava fraquinho. Agora vou tentar o parto normal. Vou deixar que ela dê os sinais. Estou me segurando para não ficar muito ansiosa sobre quando vai ser, como vai ser…”, confessou.

A artista disse que espera ter menos dificuldades com a amamentação. “A amamentação do Gael foi um caos. Fiquei bem doida. Contratei uma doula radical e li livros sobre livre demanda. Não dei chupeta nem mamadeira. Tirava leite o dia inteiro, mas ele não engordava. Fiquei muito frustrada e neurótica. Consegui amamentar a duras penas até 1 ano e 3 meses. Quase desisti porque sofri muito”, contou a global, que já é mãe de Gael, de 1 ano e meio.

Agora quero ficar mais tranquila. Talvez, calma, venha mais leite. Quero que seja mais leve com ela. Não sei se vou dar chupeta. Talvez dê, para espaçar as mamadas. Estou aberta para sentir como a Maya vai ser. Gosto da livre demanda, mas entendo que ter rotina é bom para mim e para o bebê. O Gael melhorou muito com rotina. Dormia e comia melhor”, explicou.

Em comparação com a primeira gravidez, Sabrina Petraglia avaliou que agora está em um ritmo mais desacelerado. “Com Gael, eu estava muito agitada, pensando em como ia ser depois. Não queria perder o bonde do trabalho. Durante a gravidez, já estava buscando série, novela… Não queria perder o movimento. Desta vez, estou mais serena. Não estou buscando. Se tudo correr bem, vou ter trabalho logo”, torceu.

No ar na reprise de Haja Coração, ela também retornará de maneira pontual para Salve-se Quem Puder, novela na qual gravou cenas de maneira remota em casa: “A Globo deixou os equipamentos todos higienizados na minha casa. Montei sozinha, com a ajuda do meu pai. Foram umas cinco cenas, em que a Micaela aparece em chamada de vídeo de Boston, para onde se muda. Fala com a família e também com Luna (Juliana Paiva) e Bruno (Marcos Pitombo)“.

Daniel Ortiz (o autor) foi generoso de me manter na novela. Eu consegui gravar bastante coisa. Não fiquei triste porque gravidez é uma bênção, mas, como sempre agarrei com unhas e dentes todas as oportunidades, fiquei apreensiva. No fim, deu tudo certo”, concluiu.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›