Sikêra Jr ataca a imprensa e nega rumores de demissão da RedeTV!

Sikêra Jr
Sikêra Jr alfineta notícias envolvendo sua suposta saída da RedeTV! (Imagem: Reprodução / RedeTV!)

Sikêra Jr reagiu após as notícias envolvendo a sua saída da RedeTV! antes do fim do contrato. O apresentador do Alerta Nacional, que fechou um acordo até 2027 com a TV de Marcelo de Carvalho e Amilcare Dallevo, desmentiu categoricamente a sua demissão.

No meio do programa da última sexta-feira (23), o jornalista criticou a imprensa e indiretamente o grupo Sleeping Giants, que criou a campanha Desmonetiza Sikêra. Mais de 70 empresas espalhadas pelo país se manifestaram sobre o ataque homofóbico do apresentador contra a comunidade LGBTQIA+.

“Esse mês mesmo, na internet, isso são jornalistas, viu? A primeira notícia foi: ‘Sikêra Jr é demitido da RedeTV’. Mentiram, mentiram a semana todinha”, acusou. “E tinha gente: ‘Aê!’. Na segunda-feira estava eu aqui: ‘Boa tarde, boa noite’. [A segunda notícia] ‘Sikêra perde a conta no Instagram'”, continuou.

O famoso citou o fato de ter perdido um número tão alto de anunciantes, segundo ele, outra mentira. “‘Sikêra perde 70 patrocinadores’. Eu recebo, Jesus! Se voltar metade do que disseram eu tô bilionário! Bi! Agora o meu jatinho sai!”, ironizou.

Na sequência, Sikêra Jr rasgou o verbo e mandou um recado direto para os responsáveis pela veiculação das notícias. “Esses caras que não fazem nada da vida a não ser falar mal, falar mal e falar mal, vivem de likes e de curtição, não têm muito o que fazer e se ocupa na internet”, detonou.

“Raça desgraçada”

Sikêra Jr entrou no olho do furacão graças ao seu desabafo desproporcional sobre a comunidade LGBTQIA+. Após a repercussão da propaganda de uma rede de fast food, o bolsonarista não segurou as críticas e chamou gays de “raça desgraçada”.

“A gente está calado, engolindo essa raça desgraçada, mas vai chegar um momento que vamos ter que fazer um barulho maior. Deixa a criança crescer, brincar, descobrir por ela mesma. O comercial é podre, nojento”, definiu.

O episódio desencadeou a campanha contra o patrocínio ao seu programa, colocou o apresentador e a RedeTV! na mira do Ministério Público e provocou a revolta de milhões de brasileiros.

Confira:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›