Thaeme confessa dificuldades na amamentação da segunda filha em relato chocante

Thaeme
Thaeme confessa dificuldades na amamentação da segunda filha em relato chocante (Imagem: Reprodução / Instagram)

Thaeme Mariôto já era mãe de Liz (2), e ganhou a sua segunda filha, que nasceu na última quarta-feira (22). A mãe de Ivy contou que amamentar a recém-nascida está difícil por uma razão especial, comparando com a experiência que viveu após a primeira gravidez.

Em seu perfil do Instagram, a cantora afirmou que está com os seios machucados e doloridos, e na sequência explicando que a caçula é bem faminta na hora de se alimentar:

Dessa vez acabou machucando mais do que a vez da Liz, e não é por conta de pega errada, porque a Ivy pega direitinho desde quando nasceu. Mas a Ivy é muito gulosa, muito. Ela é enorme, nasceu com 51 centímetros e 3,410 kg, bem grandona mesmo e bem gulosa. Nasceu pronta”.

Thaeme acrescentou que outra complicação na amamentação de Ivy foi a recuperação da cesárea que fez e descreveu o desafio que tem enfrentado diariamente:

Ela quer mamar, se deixar, de hora em hora, mesmo, e ela tem uma sucção muito forte. No começo, recuperação de cesárea é muito complicado. Eu não conseguia ajeitar ela muito bem, por conta do incômodo da cesárea. Acabei descuidando um pouco da pega e lascou tudo”.

Há alguns dias, a mulher de Fábio Elias descreveu como foram os primeiros momentos com a herdeira e ficou encantada ao pegar a sua cria no colo:

A Ivy é uma bebê muito boazinha. Ela nasceu, deu uma choradinha e na mesma hora veio no meu colo e acalmou. Ela, inclusive, no primeiro contato, ficou mais tempo comigo do que a Liz quando nasceu. Pude amamentá-la na chamada Golden Hour, a primeira hora do nascimento, e ela já pegou instantaneamente, é muito esperta e a coisa mais linda desse mundo”.

Confira:

MAIS LIDAS

Matheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTI+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›