Thiago Gagliasso detona deputada e confessa pretensão em entrar para a política

Thiago Gagliasso
Thiago Gagliasso confessou que pensa em entrar para a política (Imagem: Reprodução / Instagram)

Thiago Gagliasso usou o seu perfil do Instagram para detonar uma publicação feita pela deputada federal Vivi Reis (PSOL-PA) sobre o assassinato de Lázaro Barbosa, que foi morto na segunda-feira (28) pela polícia. O famoso também declarou que pretende entrar para a política.

A parlamentar do PSOL disse em seu Twitter que Lázaro deveria ter sido preso e interrogado pois, só assim, “saberíamos se ele estava a mando de outras pessoas, evitando que mais gente siga impune”.

O irmão de Bruno Gagliasso não gostou da postagem da deputada e declarou ter vontade de ingressar na vida política, e que é “preciso cuidar do nosso”.

“‘Thiago, tem vontade de entrar para política?’ Definitivamente sim. E esse é um dos motivos, o preço de não se interessar por política, é ser governado por quem se interessa, e olha o nível dessa Deputada do PSOL. Isso te representa? Precisamos cuidar do nosso”, escreveu Thiago Gagliasso.

O ex-apresentador da Globo Thiago Asmar mandou sua mensagem de apoio ao ator. “Pra cima dessa esquerda nojenta que defende bandidos e até assassinos, irmão!”, escreveu ele, que, assim como Thiago Gagliasso, é apoiador do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Nesta semana, Gagliasso também usou as suas redes sociais para criticar Felipe Neto, que falou sobre o caso Lázaro, após a captura dele.

“Eu tenho medo dessa turma. Se eles acham que todo sujeito responsável por mortes deve ser assassinado… Imagina o que eles acham que deve ser feito com o Bolsonaro. Cruzes… A não ser que eles tenham genocida de estimação. Será? Tipo ‘esse a gente mata’, ‘esse a gente elege’?“, questionou Neto.

No Twitter, então, o irmão de Bruno Gagliasso opinou: “Lá vem Felipe Neto conseguindo contextualizar a morte do ASSASSINO LAZARO ao Bolsonaro, logo ele, que vota no partido que desviou 241 Bilhões da SAÚDE, será que isso matou quantos? Ele afirma em outro tuíte que não queria ninguém morto. Tadinho do Lazaro né?”.

Já no Instagram, Thiago Gagliasso desabafou: “Prêmio Nobel da PAZ, vai pro influenciador de criancinhas, o rapaz que é contra o cidadão portar arma, mas que vive com 10 seguranças armados até o talo”.

“O que acusa o Presidente de genocida, mas vota no partido que mais desviou verba da saúde. Que desconhece a sociedade, pois vive enfurnado atrás de tela, mas que gosta de ser goleirão do bem na pandemia!”, completou o apoiador de Jair Bolsonaro.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›