Thiago Gagliasso debocha de Leandra Leal e expõe mensagem que mandou para a atriz

Thiago Gagliasso
Thiago Gagliasso ironizou discurso de Leandra Leal e mandou recado (Imagem: Reprodução – Instagram – Globo/ Montagem – RD1)

Thiago Gagliasso decidiu reagir contra o desabafo que Leandra Leal fez no Altas Horas, da Globo, sobre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Na ocasião, a atriz lembrou das eleições de 2018 e detonou o político. O irmão de Bruno Gagliasso, então, debochou da famosa.

Em seu perfil do Instagram, o ator postou uma imagem de uma mensagem que mandou para o privado da artista e declarou na legenda:

“Eu tento, mando mensagem de boa mesmo! Leandra Leal, 12 bilhões que nao foram auditados! Poxa Leandra desleal @andreporci @mariofriasoficial @bolsonarosp. Rapaziada o dia que vocês pararem pra entender o que essa galera fez com a Lei Rouanet! Eh BIZARRO”.

Na mensagem para Leal, o apoiador de Bolsonaro declarou: “Oi Le, sou eu Thi, ex irmão do Bruno Gagliasso, adorei sua posição no AltasHoras! Sou teu fã, mas tu ja viu a tal da prestação de contas da Rouanet? Sei que com toda sua visibilidade poderia nos ajudar, manda uma mensagem pro Fábio Porchat”.

O recado do famoso foi feito depois que ela mandou a real sobre a crise política que estamos vivendo no Brasil. A conversa no Altas Horas começou pautada pelos haters e depois mudou para Jair Bolsonaro, que recebeu críticas contundentes da famosa.

Nessa entrevista com Serginho Groisman, a atriz afirmou que não procura se importar tanto com quem a deprecia, exceto em casos mais graves:

“Eu não ligo, não olho… Óbvio que quando é ameaça ou alguma coisa séria, a gente tem que se posicionar e brigar por justiça. A gente não pode confundir liberdade de expressão com crime. Tem coisas que tem que ser denunciadas”.

Emendando um assunto no outro, Leandra mostrou o seu espanto com o fato de Bolsonaro ter sido eleito como presidente em 2018 e apontou a conivência de seu votantes, já que o histórico do político nunca foi um dos mais corretos:

“Como a gente deixou o Bolsonaro ser eleito presidente? Ele já falava sobre preconceito, ele já destilava o seu ódio, ele já falava sobre homofobia, ele já espalhava fake news. Não foi uma escolha difícil. Quem se permitiu achar que era uma escolha difícil relativizou o preconceito, a homofobia, o racismo. Porque tudo isso estava na fala dele”.

Luiz Fábio AlmeidaLuiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›