Tierry é acusado de cancelar show por falta de público e se pronuncia

Tierry
Tierry comentou sobre boatos a respeito da situação (Imagem: Reprodução / Instagram)

Tierry se envolveu em mais uma polêmica. Desta vez o cantor foi acusado de ter cancelado sua apresentação em um evento na cidade de Itatiba, em São Paulo, por conta do pouco número de ingressos vendidos.

A revelação foi feita pelo dono da casa onde o show aconteceria. Na nota, eles divulgaram:

“O Sossega Madalena, que neste mês completa 9 anos e teria hoje um show do artista Tierry, comunica que a produção do artista, sabendo que a venda antecipada até às 18 horas do dia 26 totalizava 398 ingressos e, com a nossa experiência de shows, esse número chegaria a aproximadamente mil pessoas, recebeu um comunicado da produção do artista que o mesmo não se apresentaria para este número de pessoas, desrespeitando àqueles que compraram ingressos e aos fãs do artista”.

“Este evento não era de propriedade do Sossega Madalena, e sim do Carioca Club e Tropical Dance, de São Paulo. Nós apenas cedemos o espaço para o evento“, esclareceu no fim da nota.

Tierry soltou o verbo

Nos comentários da publicação, o cantor baiano tratou de se pronunciar. “Poderia ter uma pessoa ou ter dez mil, como lá no CTN ontem! Quem sabe da minha trajetória sabe que já toquei para uma pessoa! Não vou te acusar porque preciso saber o que tá havendo, mas eu tenho certeza que vocês estão sendo irresponsáveis e levianos. Atitude, quase sempre, de quem não cumpre os acordos e aí joga as pessoas contra nós!“, disparou.

O perfil da casa de festas, então, respondeu: “Sou Adilson, dono da casa. O seu empresário André é irresponsável, ridículo. Temos aqui os depósitos feitos na conta da sua empresa. Seus produtores ficaram falando com a gente até ontem meia-noite, deixando tudo em ordem, e hoje de manhã recebemos essa notícia, dizendo que fica ruim para você tocar um dia para 6 mil pessoas que teve ontem (e não 10 mil) e no dia seguinte tocar para mil pessoas”.

Nosso jurídico vai tomar a providência de tudo. Temos mais de 35 anos no mercado. Nesse mesmo local já tocaram Henrique e Juliano, Marília Mendonça, Maiara e Maraisa, Gusttavo Lima, Felipe Araújo, Cristiano Araújo, Zé Neto e Cristiano, Léo Santana, Ludmilla, Lexa, João Neto e Frederico, Bruno e Marrone, Turma do Pagode, Dilsinho, Ferrugem, Sorriso Maroto e ainda seu produtor nega em fazer o show?“, disparou.

Tierry, então, rebateu: “Pra começo de conversa, você é apenas o dono da casa! Você não é meu contratante! Você é um contratado do meu contratante. Se você desentendeu com ele, resolve com ele. Mas não, vem botar nosso nome porque somos pessoas públicas e joga o povo contra nós. A verdade vai vir aí, eu quero ver gato!“.

O músico também falou nos stories sobre o assunto. Assista:

Gostou do conteúdo? Siga @rd1oficial no Instagram e RD1.com.br no Facebook para acompanhar as últimas notícias dos famosos.

MAIS LIDAS

Guinho Santos
Guinho Santos é formado em Jornalismo e escreve sobre o universo das celebridades há dez anos. Reality show, bastidores da TV e novelas também são seus pontos fortes. Além disso, possui experiência como Social Media e apresentador. Seu canal na web é através do Instagram @guinhosantos__.
Veja mais ›