Viacom se pronuncia sobre saída de diretor após polêmica com Rafael Portugal

Viacom
Rafael Portugal foi um dos criticados por ex-diretor da Viacom (Imagem: Reprodução / Instagram)

A Viacom, que administra canais como MTV e Comedy Central, decidiu se posicionar sobre uma recente polêmica com Rafael Portugal e outros humoristas. A empresa afirmou que Caio Corsalette foi desligado da empresa e não atua mais como diretor do holding.

“A ViacomCBS, em nome do Comedy Central, reforça seu posicionamento de valorização da comédia, bem como o enaltecimento ao talento genuíno de cada profissional dessa classe. Sempre manteve, como marca, um bom relacionamento com artistas e preza muito por essas parcerias. O executivo em questão não faz mais parte do quadro de funcionários da empresa”, declarou a ViacomCBS.

A atitude da empresa foi tomada depois de vir à tona um áudio em que ele chama o contratado da Globo, Thiago Ventura e outros humoristas de idiotas.

Em nota,  Caio Corsalette se posicionou: “Sobre o áudio em que faço considerações sobre comediantes: errei. Além de pedir desculpas, venho a público me retratar, pois aquela fala não condiz com o que penso”.

“Em relação à minha suposta demissão, desconheço essa informação. Não fui demitido da empresa e, pelo contrário, estou em meio a uma negociação de rescisão consensual com a Viacom, empresa onde trabalho há oito anos e pela qual tenho muito apreço.”

Áudio polêmico

A gravação surgiu inicialmente do Instagram de Manu Maciel, que também é humorista. No início do áudio, a comediante o questiona ao ver que ele mudou bruscamente o discurso: “Antes eles eram idiotas, agora eles são gênios [da comédia]?”.

Corsalette esbanjou sua situação financeira da Viacom: “Calma, eu achei que a gente estivesse como numa sala de casa. Quando você coloca Manuel Bandeira, Drummond e tudo, esses caras realmente são idiotas. São pessoas que eu pago o salário e trabalham comigo”.

Manu Maciel, então, perdeu a paciência e criticou o diretor no Club House: “Pra mim, você é um idiota. Você vem ofender uma classe como idiotas da comédia, você nomeia pessoas com quem você acabou de trabalhar. Eu aposto qualquer coisa que você não é homem o suficiente para falar na frente desses caras que eles são idiotas, imbecis ou qualquer termo que você tenha usado”.

“Você vem numa sala cheia de gente que você não conhece, falar mal dos caras para se promover. Acho complicado você resolver seu problema de síndrome de p#u pequeno em público. Você não vai ofender as pessoas da minha classe de maneira gratuita”, completou ela.

Caio Corsalette riu e desdenhou: “Qual é a sua classe? O que você é, Manu? É bom que eu nunca vou te contratar, né?”. Ela rebateu na lata, negando a hipótese de trabalhar com o rival futuramente.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›