Zeca Pagodinho manda recado e ironiza quem escolhe vacina contra a covid

Zeca Pagodinho
Zeca Pagodinho falou sobre a importância das vacinas (Imagem: Reprodução / Instagram)

Zeca Pagodinho usou o seu perfil do Instagram, nesta quarta-feira (7), para falar sobre a escolha de vacina contra a covid-19. O cantor ironizou as pessoas que questionam os imunizantes em plena pandemia.

O sambista comentou sobre quem tem recusado vacina por querer de uma farmacêutica específica. “Vacina boa é a que vai no seu braço! Sem essa de ser sommelier de vacina, pois todas as que estão disponíveis são super eficazes e salvam vidas!“, declarou o famoso.

Zeca Pagodinho ainda lembrou da importância das pessoas tomarem a segunda dose. “Vamos juntos nessa? Ah! E não esqueça da segunda dose!!”, escreveu o artista, que ainda postou uma imagem com a frase: “Aprecie sem moderação”.

Falando na vacinação, Felipe Andreoli recebeu a primeira dose da vacina contra a covid-19 na última segunda-feira (5) e fez um longo desabafo em seu perfil do Instagram. O jornalista aproveitou o momento para fazer uma reflexão sobre o momento do Brasil.

“Hoje chegou a minha vez. Eu fiquei pensando tanto nesse dia. Ontem não conseguia dormir, quando fechava os olhos sonhava que tinha acabado a vacina, ou que eu não encontrava o local de vacinação, ou que me ligavam do trabalho na hora de vacinar. Acho que todo brasileiro, em algum momento, se sentiu assim. Como se a sua vez de vacinar nunca fosse chegar“, disse o apresentador do Globo Esporte SP.

O global seguiu: “E enquanto isso o Brasil foi enfileirando mortos, mais de MEIO MILHÃO de famílias choraram e choram suas perdas e sofrem com desprezo e desdém de quem está no poder”.

“Eu tava com ódio por dentro, de tudo que esses caras fazem e seguem fazendo, sem limites. Sem freios. Eu tô triste com tanto brasileiro que ainda apoia essa barbárie. Que vem me xingar e me atacar enquanto quem tá no poder da risada na nossa cara”, declarou Felipe Andreoli.

Em seguida, o marido de Rafa Brites também afirmou sobre o momento tão esperado: “Mas na hora que a vacina entrou no meu braço eu sorri. Sorri ao lembrar que tenho um filho, uma mulher linda, uma família pra cuidar. Sorri por ninguém da minha família ter sido atingido por essa desgraça. Sorri e agradeci. E agradeço muito aos profissionais da saúde que há 2 anos seguem nessa luta infindável, dia e noite, enquanto alguns animais vociferam contra a máscara e a vacina. É fod*”.

Luiz Fábio AlmeidaLuiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e responsável pela coluna "Do Fundo do Baú", publicada às quintas-feiras no RD1, com conteúdos marcantes da história da TV brasileira. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›