Antonio Fagundes lembra de susto da Globo por causa do Mundo da Lua

Antonio Fagundes
Antonio Fagundes fazia trabalho na Globo e na TV Cultura (Imagem: Divulgação)

O Mundo da Lua, que fez sucesso na TV Cultura nos anos de 1990, está completando 30 anos e ainda guarda muitos fãs. O seriado protagonizado por Lucas Silva e Silva (Luciano Amaral) marcou gerações. Antonio Fagundes, que deu vida ao pai do protagonista, lembra com carinho do trabalho.

O veterano era Rogério, um professor que se dividia em três empregos para sustentar a família. Na época em que gravou a produção, o ator já era um dos grandes nomes da televisão brasileira e precisou da autorização da Globo para conseguir realizar o trabalho.

“Fui pedir ao Boni, que era quem mandava, e ele falou: ‘Vai, pode fazer!’ E eu fiz. O programa foi ao ar e logo depois, fui chamado. O Boni falou, ‘está dando muito ibope! Está atrapalhando a gente aqui’. O programa fazia muito sucesso e acabou chamando atenção, mas isso não impediu que me liberassem”, declarou Antonio Fagundes ao Splash.

O artista ainda ressaltou que ficava feliz com o jeito em que a TV Cultura, um canal estatal, fazia televisão. “Além de ser uma coisa diferenciada, era um exercício de ator como profissional que a TV comercial não me permitia”, disse.

“Sempre aceitei quase tudo que me chamaram para fazer na TV Cultura e com o ‘Mundo da Lua’, não foi diferente. Aceitei imediatamente o convite”, comentou o famoso.

Na época em que gravou o Mundo da Lua, Antonio Fagundes também atuava em O Dono do Mundo (1991) e, por isso, precisou manter o bigode. Durante três dias da semana ele gravava as novelas no Rio de Janeiro e nos demais estava livre para fazer teatro ou outros trabalhos em São Paulo.

“A minha vida sempre foi na ponte-aérea. Era um exercício fascinante como ator. Saía de um universo completamente malévolo [em ‘O Dono do Mundo’] para aquela coisa pura, gostosa e cheia de energia. Acabei emprestando o visual para o Rogério”, ressaltou ele.

O artista também garantiu: “As gravações eram muito gostosas. Era uma turma maravilhosa no estúdio. O tempo de gravação era diferente. Não era a mesma rapidez da TV comercial. Era uma coisa mais caseira, familiar mesmo”.

O ator comentou sobre a repercussão do programa que existe até hoje: “A repercussão não me atingiu tanto na época como me atinge hoje. Ainda hoje, um número grande de crianças assistem ao ‘Mundo da Lua’ e sou reconhecido por elas como o pai do Lucas Silva e Silva”.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›