Após polêmica, Juliana Paes retorna às redes sociais com post enigmático

Juliana
Juliana Paes causou polêmica nas redes sociais e retornou com post enigmático (Imagem: Reprodução / Instagram)

Juliana Paes voltou às redes sociais nesta segunda-feira (07), após se envolver em um polêmica e ser apontada como apoiadora do governo de Jair Bolsonaro. No Instagram, a global compartilhou uma foto de um buquê de rosas brancas. Na legenda da imagem, ela usou apenas um coração também branco, insinuando que está em paz.

Nos comentários, seguidores mostraram apoio à atriz. “Nada melhor que a paz….. Fique em paz e esteja em paz sempre, todos merecemos“, afirmou uma. “Boa semana pra você meu amor! Que essa semana comece linda e cheia de energias positivas! Te amo“, postou outra.

Você deu sua opinião e não quis agredir ninguém… Hoje em dia é crime pensar diferente! As pessoas que pedem tolerância sendo intolerantes, as pessoas que pedem empatia e não praticam. É uma seletividade misturada com hipocrisia“, disparou uma terceira seguidora.

Já nos stories, Juliana compartilhou uma foto do filho brincando de bola, uma outra imagem reflexiva, sozinha, além de uma mensagem de Sri Ram, que diz:

“O amor é a única força conhecida pelo homem que não é vencida por nenhuma ameaça, não importa quão horrenda, Na sua pureza inspira aos mais maravilhosos sacrifícios, Onde reina, com sua perfeição, há bem-aventurança de totalidade, de consumação, transcendendo a necessidade de buscar outra experiência. Nesta condição de amor encontramos a experiência de eternidade”.

Para quem não acompanhou, em seu discurso, que durou cerca de 5 minutos, Juliana chamou a atenção dos seguidores em um detalhe. Entre suas falas, a atriz disparou:

“Eu não apoio os ideais arrogantes de extrema direita, não apoio delírios comunistas da extrema esquerda. Quero que isso aconteça independente de ideologia política”.

Dessa forma, o público percebeu que, contraditoriamente, ela disse que não apoia nenhum dos lados, porém, ao separar um lado do outro, chamou as ideias da Direita de “arrogantes” e as da Esquerda de “delírios comunistas”. Para os internautas, os termos escolhidos dizem exatamente para que lado a atriz acaba pendendo. “As artistas que falam que não tem obrigação de se posicionar são sempre da Direita“, afirmou uma pessoa.

Dizendo que é de Direita sem precisar dizer que é de Direita“, alfinetou outra. “Resumindo: Vai votar no Bozo pra não ter o Lula novamente, ou vota nulo e contribuí que Bozo ganhe eleição porque o PT destruiu a vida dela“, comentou mais uma.

No mesmo discurso, embora não tenha citado nomes, a artista deu a entender que tomou a atitude se pronunciar após ter sido criticada por uma colega de profissão.

Cara colega, apesar de eu ter sido agredida por suas palavras caluniosas, de ter sido invadida pela sua mensagem, de ter sido acusada de ser covarde, desonesta, criminosa, eu vou te responder por todas as cenas que eu me emocionei do seu lado“, iniciou.

Eu discordo de você sobre a minha posição, já falei publicamente sobre querer vacinas, mas eu não vou fazer isso todos os dias. Fui a primeira a pedir que as pessoas ficassem em casa, quando você ainda nem tava tão preocupada, mas não me sinto no direito de pedir para as pessoas ficaram sem trabalhar“, prosseguiu.

Você critica a minha escolha de não militar, publicamente, escolhendo um dos lados políticos nesse debate todo, então deixa eu te falar sobre o que eu penso“, continuou.

Famosos como Rafael Cardoso, Danni Suzuki, Eri Johnson, Marcos Palmeira e Letícia Spiller parabenizaram a artista pelo posicionamento.

Guinho SantosGuinho Santos
Guinho Santos é formado em Jornalismo e escreve sobre o universo das celebridades há dez anos. Reality show, bastidores da TV e novelas também são seus pontos fortes. Além disso, possui experiência como Social Media e apresentador. Seu canal na web é através do Instagram @guinhosantos__.
Veja mais ›