Após ser demitido, Luciano Burti é recontratado pela Globo

Luciano Burti
Luciano Burti assume novo acordo com a Globo (Imagem: Divulgação / Gshow)

Luciano Burti assumiu um novo acordo com a Globo. O ex-piloto de Fórmula 1 e comentarista de automobilismo acertou um vínculo com a emissora carioca depois de seis meses da sua dispensa.

O famoso se tornou uma opção para as equipes de transmissões do SporTV na cobertura da Stock Car, Extreme E, Fórmula E, W Series, Porsche Cup e Copa Truck.

“Estou voltando e muito feliz. Temos muitas competições para transmitir. Entrei na Globo pela primeira vez como comentarista fixo no fim de 2004 e não sinto como se tivesse saído. Continuei acompanhando as corridas de casa e nestes seis meses era como se eu estivesse aqui ainda de coração. Vamos ter bastante trabalho pela frente”, celebrou.

Luciano Burti era contratado da casa desde 2004, com participações especiais em corridas anteriores, como a primeira vitória de Rubens Barrichello na categoria, em 2000, entre outras GPs.

O ex-piloto de 45 anos foi dispensado unicamente pela saída da F1 da grade da Globo. Ele tem feito aparições no Auto Esporte, mas a produção é independente e não é produzida pelo departamento esportivo do canal.

Sua chegada ao Grupo Globo só foi possível graças a opinião dele próprio em conversas com dirigentes da empresa. Para ele, a equipe de transmissão da emissora só estaria completa com a visão de um piloto de corrida. Antes dele, Galvão Bueno e Reginaldo Leme eram as estrelas da cabine de transmissão.

Luciano Burti não seguiu o caminho de seus colegas, como Sérgio Maurício, Felipe Giaffone, Max Wilson, Mariana Becker e Reginaldo Leme, que aceitaram a proposta da Band para as transmissões da F1 e da Stock Car.

Polêmica

No dia 30 de setembro, no evento que marcou o anúncio das novidades da programação da Band no ano que vem, parte da equipe da Fórmula 1 atacou a Globo. Reginaldo Leme falou sobre a nova fase da carreira.

“Se em ano de transição já se tornou isso? Muita gente voltou a ver F1 com gosto e prazer. Em 2022 vem uma nova Fórmula 1”, declarou. Ex-contratado da Globo, Sérgio Maurício afirmou que na Band a F1 “passou a ser a cereja do bolo”.

“Poder trabalhar em uma casa que nos abrigou, que nos recebeu. Tive 29 anos de TV Globo e nunca me senti tão bem profissionalmente como me sinto aqui. Eu me sinto como pinto no lixo”, exaltou.

Confira:

MAIS LIDAS

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›