Ator de Bom Sucesso, Igor Fernandez registra denúncia após ataques homofóbicos

Igor Fernandez
Igor Fernandez e Gabriel Soares estão juntos há sete anos (Imagem: Reprodução / Instagram))

Vítimas de homofobia após anunciarem uma união estável, Igor Fernandez e Gabriel Soares registraram, na terça-feira (23), uma denúncia na Delegacia de Crimes Raciais e Intolerância (Decradi) do Rio de Janeiro.

Nos Stories do Instagram, o esposo do ator de Bom Sucesso postou uma foto na delegacia e contou o ocorrido: “Hoje, eu e o Igor Fernandez comparecemos na Delegacia de Crimes Raciais e Intolerância (Decradi) para registrar a denúncia dos diversos ataques homofóbicos que sofremos após anúncio da união estável”.

Para quem não sabe, no início de novembro, o casal, que está junto há sete anos, foi em um cartório e assinou um acordo de união estável. Nos Stories, Igor postou uma foto com o amado e escreveu: “Agora tá no papel”.

Veja Também

“Realizamos uma união estável, que é um direito há pouco tempo conquistado por casais homoafetivos. Um passo importante para nós e para o mundo. Ainda pretendemos, um dia, fazer um casório com tudo que tem direito, festão e amigos dando PT. Quando acontecer, vocês estão convidados”, contou o artista.

Na ocasião, Gabriel ainda celebrou: “Hoje podemos formalizar nossa união perante a lei através da união estável. Espero de coração que nossos legisladores extremamente omissos no tema passem a nos enxergar. Somos uma família como qualquer outra! Somente em 2011, graças a uma decisão da suprema corte do nosso país, isso se tornou possível. Obrigado a todos que litaram e que seguem lutando por um mundo mais justo”.

Após a repercussão do assunto, os dois foram vítimas de homofobia por comentários nas redes sociais. “O povo está espumando. Está vendo porque isso é importante? As pessoas morrem por isso todos os dias. Com uma faca na mão, na minha frente, algumas dessas pessoas me matariam. Qual crime eu cometi mesmo?”, desabafou Fernandez.

“O crime foi amar um ao outro?”, questionou o psicólogo. “Galera, homofobia é crime. Inaceitável esses tipos de comentários. Esse foi só um de muitos. Muito triste”, prosseguiu o ator.

Igor Fernandez
Igor Fernandez e Gabriel Soares prestaram queixa na Delegacia de Crimes Raciais e Intolerância (Decradi) (Imagem: Reprodução / Instagram)

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Carol Bittencourt
Brasileira vivendo em Portugal, Caroline Bittencourt é jornalista, pós-graduada em Comunicação e Design Digital. Atua como redatora e produtora de conteúdo para as redes sociais. Colabora com o RD1 desde 2018. Ama viajar, seja chegando em um novo destino ou em frente à TV assistindo uma boa série.
Veja mais ›