Audiência da TV: Malhação – Viva a Diferença bate recorde negativo

Malhação - Viva a Diferença
Daphne Bozaski (Benê) e Gabriela Medvedovski (Keyla) em Malhação – Viva a Diferença; novela perdeu audiência na última semana (Imagem: Reprodução / Globo)

Temporada escolhida pela Globo para cobrir o hiato entre Toda Forma de Amar e Transformação – fase inédita adiada por conta da pandemia de coronavírus – Malhação – Viva a Diferença (2017) bateu recorde negativo de audiência na última semana (18 a 22 de maio). A novela ficou abaixo da trama exibida antes, Eta Mundo Bom (2016), e da veiculada depois, Novo Mundo (2017).

Malhação acumulou 17,9 pontos, menos do que os 19 obtidos na semana anterior (11 a 15 de maio). Ainda assim, a reprise ostenta o melhor desempenho desde a exibição original; considerando os primeiros 34 capítulos, Viva a Diferença alcançou 19,4 de média este ano ante 20,4 de 2017. Cabe lembrar que, de 18 a 22 de maio, a narrativa focalizou Keyla (Gabriela Medvedovski), debilitada em razão dos remédios para emagrecer.

Eta Mundo Bom em Vale a Pena Ver de Novo também caiu: de 20,2 para 18,7 de média. Em cena, a descoberta de Sandra (Flávia Alessandra) sobre o parentesco de Candinho (Sergio Guizé) e Anastácia (Eliane Giardini). Decidida a impedir o encontro de filho e mãe – e obcecada pela fortuna da tia –, a vilã tramou junto a Ernesto (Eriberto Leão) para roubar o medalhão que comprova a ligação do matuto e da dona da fábrica de sabonetes.

Novo Mundo, em edição especial às 18h, ficou abaixo do ‘Vale a Pena’: 18,5 pontos, de 18 a 23 de maio, contra 19 amealhados entre 11 e 16. Mesmo abalado pela morte do filho, Dom Pedro I (Caio Castro) não abriu mão de seu romance com Domitila (Agatha Moreira). O monarca, contudo, reagiu enciumado ao constatar a proximidade de sua esposa Leopoldina (Letícia Colin) e José Bonifácio (Felipe Camargo), convidado por ele para atuar como ministro.

Totalmente Demais (2015) foi de 30,1 para 29,7. O folhetim compreendeu as armações de Fabinho (Daniel Blanco) contra Jonatas (Felipe Simas). O playboy chegou a apagar o vídeo que comprovava o “boa noite, Cinderela” que Cassandra (Juliana Paiva) aplicou no office-boy, com o intuito de prejudicar Eliza (Marina Ruy Barbosa). A protegida de Artur (Fábio Assunção), por sua vez, passou a ter aulas de etiqueta com Stelinha (Glória Menezes).

Fina Estampa (2011) caiu de 34,6 para 34,4. Tereza Cristina (Christiane Torloni) deu cabo da inimiga Marcela (Suzana Pires). Num primeiro momento, Ferdinand (Carlos Machado) e comparsas milicianos alvejaram a jornalista. Como esta sobreviveu, a vilã teve de ir até o hospital para asfixiá-la. Tereza Cristina também foi para a cama com Pereirinha (José Mayer), ex-marido de Griselda (Lilia Cabral).

Os dados são referentes a Grande São Paulo.

CONTINUE LENDO →

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.

ALERTAS GRATUITOS