Audiência da TV: Reality de Sabrina Sato, Made In Japão reestreia em baixa

Sabrina Sato
Sabrina Sato à frente do reality-show Made In Japão; atração rende baixa audiência para a Record (Imagem: Edu Moraes / Record)

A Record decidiu retomar a exibição do reality-show Made In Japão, apresentado por Sabrina Sato. Desta vez como programa solo, nas noites de sábado. A reestreia, porém, amargou baixa audiência – assim como os episódios exibidos dentro o Domingo Show quando apresentado por Sabrina, extinto após quatro edições justamente por conta dos números aquém do esperado.

O Made In Japão marcou apenas 3,2 pontos na Grande São Paulo. Foi o menor índice da Record ao longo de todo sábado (23). O programa de Sato empatou com a série Chicago Fire – Heróis Contra o Fogo. E ficou abaixo do The Love School (3,3), teleculto da Igreja Universal do Reino de Deus voltado para o relacionamento de casais – com Cristiane e Renato Cardoso, filha e genro de Edir Macedo.

Os melhores resultados da Record ao longo do sábado ficaram por conta das atrações jornalísticas. O Cidade Alerta garantiu 8,5 pontos no primeiro bloco e 5,6 no segundo. Bruno Peruka respondeu pelo jornalístico. Entre as duas edições do CA, o Jornal da Record emplacou 7,7 de média. Eduardo Ribeiro e Janine Borba dividiram a bancada.

O Fala Brasil – estendido desde o início da pandemia de coronavírus – consolidou 5,2 pontos. Celso Zucatelli, Fabiana Oliveira e Salcy Lima estiveram à frente do telejornal. O Balanço Geral SP, de André Azeredo e Mabell Reipert, bateu 6,3 de média. Rápida Vingança (2010) rendeu 7,5 para o Cine Aventura.

CONTINUE LENDO →

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.