Autor de Primavera, cantor Cassiano morre aos 77 anos, no Rio

Cassiano
Cantor Cassiano morre aos 77 anos, no Rio de Janeiro (Imagem: Reprodução / G1)

Cantor e compositor, responsável por sucessos como Primavera, de Tim Maia, Genival Cassiano dos Santos, o Cassiano, morreu na última sexta-feira (7), aos 77 anos, no Rio de Janeiro. Ele estava internado desde o mês passado. A causa da morte não foi revelada.

De acordo com as informações do G1, Cassiano foi levado ao Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes, na Zona Norte do Rio. A morte foi confirmada pela equipe média às 16h30.

Genival nasceu na Paraíba e foi para o Rio de Janeiro na década de 1960. Fã de João Gilberto, ele começou a sua carreira artista em um trio de Bossa Nova, foi criador de um estilo vocal conhecido como Brazilian Soul, mas gravou poucos discos como cantor.

Ele foi responsável por sucessos de Tim Maia como Primavera e Eu Amo Você. Suas canções também foram gravadas por Marisa Monte, Djavan, Ivete Sangalo, entre outros.

Entre os seus sucessos estão A Lua e Eu, da novela O Grito (1975/1976, da Globo) e Coleção, febre nacional quando embalou Locomotivas, da Globo, em 1977. Na vida pessoal, em 1978 foi um ano difícil. Cassiano passou por uma cirurgia para retirar parte de um pulmão.

O seu último disco solo, Cedo ou tarde, foi lançado em 1991, há 30 anos. Nele, Cassiano regravou sucessos da década de 1970, e contou com a participação de Marisa Monte, Luiz Melodia, Djavan, Ed Motta e Sandra de Sá.

Após permanecer internado em estado grave por pneumonia e doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC), o óbito se deu por choque séptico pulmonar, segundo informado pela direção do Carlos Chagas em nota enviada pela Secretaria de Saúde do Estado do Rio.

“A direção do Hospital Estadual Carlos Chagas (HECC) lamenta a morte de Genival Cassiano dos Santos, nesta sexta-feira, dia 07.05, às 16h30m. O paciente esteve internado na unidade desde o dia 25 de abril, em estado grave, com pneumonia e doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC). De acordo com a direção, o paciente morreu por choque séptico pulmonar”, resumiu.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›