BBB 2021: Viih Tube acusa Lumena de hipocrisia em discurso sobre racismo

BBB 2021
Viih Tube acusa Lumena de hipocrisia por atitude polêmica no BBB 2021 (Imagens: Reprodução – Globoplay / Montagem – RD1)

O Jogo da Discórdia do BBB 2021 aconteceu ao vivo, na noite de segunda-feira (8), e ainda tem rendido assunto entre os participantes. Viih Tube discordou do discurso racial trazido por Lumena, assim como famosos fora da casa, e resolveu falar sobre isso numa conversa franca.

Saiba tudo sobre o BBB 2021 na cobertura do RD1

A youtuber negou que tenha assumido uma postura racial implícita, alegando que a própria Karol Conká assumiu que inventou que Carla Diaz deu em cima de Arcrebiano: “O que eu considerei foi o fato de a própria Karol assumiu que ela errou e que ela teve uma crise de ciúmes, que foi algo que ela criou na cabeça dela, que ninguém passou para ela. Foi assumido que foi um boato“.

Viih lembrou uma bronca que recebeu da baiana e a acusou de hipocrisia: “Você chegou e falou para mim: ‘Você só está ouvindo a palavra da pessoa branca e não está ouvindo a Karol’. Só que ao mesmo tempo você não tinha ouvido a Carla, você tinha ouvido só a Karol. Da mesma forma que eu só tinha ouvido uma pessoa, você também só tinha ouvido uma pessoa“.

Continuando a falar, a sister explicou que não ouviu apenas um lado da história, como alegado na segunda-feira: “Na minha concepção o fato não foi esse. Primeiro eu passei na cozinha e vi a Carla chorando, entendi ela e fui lá falar com a Karol, daí te encontrei no meio do caminho, antes disso“.

Como é branca, Viih Tube contou que pediu a opinião de Camilla de Lucas para ter mais validação sobre o que pensou: “E elas falaram: ‘para mim não teve questão racial naquela parte, foi uma questão de um boato mesmo’. E naquele momento foi a Carla que sofreu o boato. Você incluiu uma questão importante num momento que não cabia“.

Depois de ouvir tudo isso, Lumena pontuou que não “militou errado”, como acusou a loira: “Falar sobre o assunto não é militância. Na minha trajetória pessoal eu fiquei com esse sentimento de tentar te explicar que falar sobre relações raciais não é militar, é uma base, uma perspectiva de leitura“.

A paulista contra-argumentou: “Você dividiu a gente, separando em brancas e pretas“. A psicóloga finalizou a discussão: “Eu me identifiquei com Karol, não é sobre militar, é sobre identificação. Você não me conhece para dizer que eu tive uma postura militante“.

Matheus Henrique MenezesMatheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTI+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›