Cauã Reymond usa perucas para viver gêmeos em Um Lugar ao Sol

Cauã Reymond
Cauã Reymond vai ser protagonista da nova trama (Imagem: Reprodução – Instagram / Montagem – RD1)

Cauã Reymond vai aparecer bem diferente logo na estreia de Um Lugar ao Sol, que acontece em novembro, na Globo. Intérprete dos gêmeos Christian e Renato, o ator precisou passar por dois tipos de caracterizações justamente para diferenciá-los.

Na cena em que aparece aos 18 anos, Christian usa uma peruca com divisão lateral e naturalmente penteada, dando um ar de uma pessoa mais simples.

Renato, por sua vez, surge com uma peruca com um corte médio, cacheado e mais despojado, já que é rico e inconsequente. Além disso, ele também usa uma tatuagem de um corvo nas costas.

Após a passagem de 10 anos da trama, Cauã já aparece com outo visual. Responsável pela caracterização, Núbia Maísa explicou detalhes sobre a mudança:

“A partir da passagem de tempo na trama, optamos por uma caracterização mais prática possível, pensando em viabilizar as trocas durante as gravações, já que teríamos um ‘terceiro’ personagem, desde o momento em que um assume o lugar do outro”.

O figurinista Antônio Medeiros também comentou sobre o processo de criação dos looks usados pelos personagens ao longo do folhetim:

“Existe uma linha social que os distancia, mas que em algum momento na trama colide. Christian é o gêmeo que cresce em Goiânia. Pensamos em retratá-lo como parte desse universo, ambientá-lo como parte desse lugar com peças desgastadas pelo tempo, levemente tingidas, em paleta de cor terrosa, com lavagens, para acentuar sua personalidade resiliente, contornando, assim, uma série de simbolismos que transmitissem a sua posição social, e retratasse a subjetividade de seu personagem”.

“Já Renato é o irmão gêmeo adotado por uma família rica carioca, ambientada na Zona Sul do Rio. Novamente, construímos o figurino do Renato em seu ambiente. Traçamos os recortes de distanciamentos sociais dos irmãos, assim como o desdobramento entre os universos que orbitam, influenciando seus costumes. A paleta de cor do Renato flerta com os pretos e com jeans estonados“, completou.

Na história de Lícia Manzo, os gêmeos Christian e Christofer serão separados ainda bebês após perderem a mãe no parto em Goiânia. Christofer é adotado por um casal rico do Rio de Janeiro e rebatizado como Renato pelos pais adotivos.

Por conta da separação, os irmãos vão crescer com realidades de vidas completamente diferentes, além de personalidades, sem saber da existência um do outro. O destino deles será mudado após eles se cruzarem por conta de uma tragédia.

Christian, então, assume o lugar do irmão a partir deste momento. A autora Lícia Manzo explicou sobre o motivo de trazer a temática ao folhetim:

“No momento em que o abismo que separa pobres e ricos no Brasil é tamanho, me parece um desafio oportuno dar protagonismo a Christian, socialmente excluído e invisível, e Renato, seu extremo oposto”.

A direção artística fica por conta de Maurício Frias, que retorna à dramaturgia da Globo após ficar 20 anos à frente de séries e programas de humor na emissora.

“Fiquei muito feliz quando fui convidado para dirigir a novela da Lícia porque ela era uma das autoras que eu tinha vontade de trabalhar. Adoro fazer novelas e espero, nesse projeto, conseguir unir a experiência que tenho na dramaturgia com os anos no humor”, disse.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›