CNN Brasil evita comprar briga com bolsonaristas e minimiza polêmicas de atos

CNN Brasil
Telejornais da CNN Brasil fugiram de briga com bolsonaristas (Imagem: Reprodução / CNN Brasil)

Apesar das críticas que já sofre dos bolsonaristas diariamente, a CNN Brasil não pensa em dar mais possibilidades para ser detonada pelos apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A prova disto foi a forma como o canal tratou as manifestações que ocorreram ontem (7).

Em discurso na avenida Paulista, em São Paulo, Bolsonaro declarou abertamente que não respeitará “qualquer decisão” do ministro Alexandre de Moraes. Além disso, ele xingou o magistrado de “canalha” e pediu sua saída.

Na Record, SBT e Band, o assunto, porém, não foi tratado como uma ameaça golpista do presidente, como foi feito com a Globo. O canal de notícias, lançado no ano passado, por sua vez, preferiu ser “neutra”.

Durante cerca de duas horas, no começo da tarde de ontem, a emissora não informou o motivo da manifestação ou o teor do discurso que o político fez pela manhã, em Brasília.

Às 15h36, um repórter avisou que a passeata era a “favor do governo federal”. E às 15h39 foi lembrado que Bolsonaro “enquadrou” o presidente do STF, Luiz Fux.

Mais tarde, no Jornal da CNN, William Waack soltou um desabafo contra as falas do presidente. O político atacou o Supremo Tribunal Federal durante os atos que ocorreram no Dia da Independência.

O âncora, então, começou a discursar: “Jair Bolsonaro transformou o Dia da Independência no dia da desobediência. Ele disse que não vai cumprir ordens do Supremo e que as próximas eleições serão uma farsa”.

“Ele disse que vai enquadrar os outros poderes. O que ele conseguiu até aqui: tinha menos gente na rua do que os organizadores previam e Jair Bolsonaro confessou o crime de irresponsabilidade ao se insurgir contra a decisão judicial. Ele também ajudou a engrossar na política a conversa sobre impeachment”, disparou o famoso.

O ex-Globo completou, no início do noticiário da CNN Brasil: “Bolsonaro saiu mais enroscado ainda no dia em que prometeu mudar o Brasil”.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›