Comentarista deixa CNN Brasil de forma inesperada após suposta cobrança política

CNN Brasil
Igor Gadelha como comentarista de política da CNN Brasil (Imagem: Divulgação / CNN Brasil)

O comentarista Igor Gadelha, correspondente da CNN Brasil em Brasília, deixou o canal de notícias de última hora e sem maiores explicações. Igor era um dos principais nomes do jornalismo político da emissora.

Segundo informações do jornalista Flávio Ricco, do portal R7, Igor Gadelha foi desligado da empresa e, nos bastidores, a informação é que existe uma cobrança política ao redor da demissão.

Os últimos posts em referência ao seu trabalho no canal de notícias foram em 27 de abril, terça-feira, sobre uma atitude do ministro Paulo Guedes, que fez mudanças em seu ministério por pressão dos partidos do Centrão, e sobre a CPI da Covid.

Na CNN Brasil: Guedes fez mudanças na equipe econômica para, entre outros objetivos, tentar estancar pressão do Centrão e de colegas do próprio governo por divisão do super ministério que comanda“, escreveu no Twitter, acompanhado de um link para o site do canal.

Antes, mais um comentário envolvendo o Ministério da Economia do Governo Bolsonaro. “Expectativa do Ministério da Economia que noticiamos no último domingo na CNN Brasil se confirmou: Bolsonaro assinou duas MPs reeditando programas de socorro às empresas privadas na pandemia“, declarou.

Na mesma data do post, Igor Gadelha revelou que Ciro Nogueira (PP-PI), “um dos senadores mais próximos do Planalto“, confirmou que votou em Omar Aziz (PSD-AM) para a presidência da CPI da Covid-19. “Ciro ainda não respondeu por que votou em Omar, e não em Eduardo Girão, preferido do governo“, declarou ele.

Confira:

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›