Craque Neto se revolta ao receber pedidos de ingressos para a Fórmula 1

Neto
Neto criticou as pessoas que estão pedindo ingressos da F1 a ele (Imagem: Reprodução / Band)

O craque Neto desabafou ao vivo na Band sobre a proximidade do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, que é transmitida pela emissora paulista, marcado para o dia 14 de novembro. No programa Os Donos da Bola contou que tem recebido muitos pedidos de ingresso.

O famoso demonstrou estar irritado com a situação e até perdeu a linha ao comentar sobre o assunto. O ex-jogador esclareceu que não ganhou ingressos, citou o nome de vários funcionários da Band que podem ter as entradas e pediu para que não o procurem mais.

“Por sinal, pessoal, dizer para vocês, meus amigos, para todo mundo: Eu não tenho ingresso da Fórmula 1. Quem tem ingresso é a Rosana Saad, é o Tocha, a Tati, o Denis, o Schneider, o Antônio, não sou eu. Eu não tenho ingresso da Fórmula 1. Não tenho e não ganhei também”, disse.

O famoso disparou: “Então, não me encham o saco com ingresso de Fórmula 1! Vai para o escambau vocês todos aqui! Está resolvido? Pede para Renata (Fan), para o Datena, para o Denílson, que eles vão tudo. Eu não tenho ingresso. Eu não tenho! Eu não sou cambista!”.

Nos últimos dias, ele revelou que pretende parar de trabalhar em 2025, após o fim do contrato com a emissora. A revelação do apresentador foi feita para seu canal do YouTube.

O famoso garantiu que não pretende trabalhar depois de 2025. Existe, é claro uma possibilidade para que ele continue na ativa: como presidente ou vice do Corinthians. Ele deseja disputar o cargo em 2023.

O meu contrato [com a Band] vai até 2025 – por sinal, os caras me cobraram hoje, porque eu não assinei o contrato ainda, podem ficar sossegados. Vou ficar na Band até 2025. Depois, eu paro de trabalhar”, disparou o ex-jogador.

Neto completou: “Vou parar de trabalhar geral. Não vou mais trabalhar em lugar nenhum. A não ser que em 2023 eu me candidate à presidência do Corinthians. Aí, eu peço uma licença na Band, fico no Corinthians como presidente ou vice e aí, a gente vê o que vai dar”.

Na gravação, o ex-ídolo do Corinthians confessou que ainda enfrenta um momento “mentalmente difícil” desde a morte de seu irmão, Richard, em junho deste ano. Ele confessou que só poderá dizer que superou o fato quando melhorar alguns aspectos.

MAIS LIDAS

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]
Veja mais ›