“Ex-cancelada”, Alessandra Negrini faz desabafo contra críticas

Alessandra Negrini
Alessandra Negrini lembra de críticas pesadas que sofreu e reage (Imagem: Reprodução / Instagram)

Alessandra Negrini viveu em 2020 um momento bem polêmico. A atriz foi alvo da “cultura do cancelamento” ao sair em bloco de carnaval vestido de índio para protestar a favor dos direitos dos povos indígenas.

Na época, porém, a artista foi acusada nas redes sociais de cometer apropriação cultural. Rapidamente, ela explicou que se tratava de um manifesto, e lideranças indígenas que estavam com ela no bloco se posicionaram a favor da artista.

Em pouco tempo, a famosa foi cancelada e descancelada nas redes. “Não sou a favor. Como diria Nelson Rodrigues, toda unanimidade é burra. Essas coisas precipitadas da internet levam a equívocos”, declarou Negrini no podcast Novela das 9, do Gshow.

“O cancelamento surgiu como uma ferramenta importante de balizar as pessoas e falar: ‘Não, você não pode fazer isso, isso é horrível’. Ele tem seu valor nesse sentido. Mas virou algo impositivo, virou um instrumento de violência. Então tem que ter sempre o diálogo dentro da própria narrativa”, acrescentou a atriz.

Ela seguiu: “Você tem uma narrativa, mas tem que pensar os prós e os contras dentro da própria narrativa. Ou seja, você tem que parar para pensar. O que tem acontecido no cancelamento é que ninguém para para pensar. Eu acho meio fascista o processo do cancelamento, na verdade”.

Questionada se o caso despertou alguma reflexão a respeito da ideia de se caracterizar como indígena, Alessandra Negrini diz que estava muito segura de sua proposta e que houve qualquer indício de apropriação cultural:

“Eu estava muito segura, nem esperava que isso fosse acontecer (…) Essa questão da apropriação cultural é quando não tem troca. Você pega um signo de um grupo, se apropria para você e o grupo em si que produziu aquilo não recebe nada. Não é o caso.”

“Eu chamei um indígena para pintar o meu rosto, então o trabalho dele estava impresso no meu rosto. Ele tem um trabalho maravilhoso, o Benício Pitaguary. E eu estava lá para mostrar isso. Era a representatividade deles”, finalizou.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›