Fernanda Souza diz que tem medo de procedimentos e confessa o que já fez no rosto

Fernanda Souza
Fernanda Souza fala sobre procedimentos estéticos (Imagem: Reprodução / YouTube)

Fernanda Souza cresceu aos olhos do público desde que protagonizou a versão brasileira de Chiquititas nos anos 90, no SBT, e falou o que pensa sobre os procedimentos estéticos que estão fazendo sucesso ultimamente.

Em conversa com o podcast ‘Prazer, Renata’, de Renata Ceribelli, juntamente com a atriz Claudia Raia e a cantora Luisa Sonza, ela falou sobre o medo de envelhecer, mas disse que também tem medo de se submeter às intervenções:

“Acho que tem uma pressão da sociedade para esse padrão, mas também tem muito de a gente se olhar e querer fazer coisas ou não cair na pilha. Eu, por exemplo, não lembro nem quando foi a última vez que eu botei um botox na cara. Deve ter, sei lá, uns 4 anos. Eu estou vivendo assim sem ele e está tudo bem. Talvez se eu estivesse na televisão fosse ficar mais pilhada. Mas eu tenho tanto medo de mexer no meu rosto”.

“É a mesma boca, o mesmo olhar puxado, o mesmo maxilar. Tem que tomar muito cuidado para não perder sua essência”, completou a atriz, que, semanas atrás, participou de um bate-papo com suas colegas de Chiquititas.

Ela, Renata Del Bianco e Aretha Oliveira falaram sobre a trama que completará 25 anos em 2022. Em homenagem à data especial, revelaram estão planejando produzir um documentário com os bastidores do folhetim:

Tem imagens de bastidores e o Cris (Cristian de Cianco, cameraman da novela) precisa viajar para captar os nossos depoimentos. Eu já agitei Netflix, Amazon e tal, mas eles querem que esteja pronto. Já estou vendo que se ninguém for fazer alguma coisa, eu vou ter que fazer“.

Mesmo com toda boa intenção, a atriz comentou que a falta de investimento é um empecilho para conseguir concluir o documentário:

O Cris precisa compilar tudo, mas precisa viajar e agora não dá. Além disso, precisa de grana para deixar tudo pronto. Ano que vem a gente faz 25 anos e temos que agilizar isso. Agora, eu estou produtora executiva“, destacou.

Durante o bate-papo, elas relembraram o começo das gravações, que foram realizadas na Argentina.

A gente teve que ter uma ligação muito rápida. Porque levaram a gente para Buenos Aires, colocaram em uma casa e falaram: ‘Agora vocês moram aqui, vão viver aqui e amanhã a gente busca vocês para estudar’“, frisou Renata, que prosseguiu:

Quando eu falo da novela, eu digo que a gente morava no condomínio e expulsamos os argentinos de lá. Por que todos eles foram embora e ficou só a gente mesmo“, prosseguiu a atriz, que saiu da novela em 1998 e voltou a Buenos Aires pouco antes da pandemia. “A primeira vez que eu fui para Buenos Aires depois da novela foram só 20 anos depois. Foram os 15 dias mais felizes da minha vida”.

Nos comentários da live, muitos fãs ficaram animados com a possível produção. “Já quero esse documentário! Suas lindas“, escreveu uma admiradora. “Vamos de vaquinha pra sair esse documentário. Pelo amor…“, reforçou ainda uma segunda.

Confira:

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›