Globo espalha No Limite pela grade com reprise de programa do Multishow

No Limite
Mesmo sem interação com o público, Globo aposta alto em No Limite (Imagem: Divulgação / Globo)

A Globo está decidida a fazer do novo No Limite um fenômeno, tal qual o BBB 2021. Buscando ampliar a presença do reality na grade – e ampliar a repercussão e os rendimentos –, a emissora anunciou ao mercado publicitário que vai reapresentar o spin-off No Limite – A Eliminação, do Multishow, aos domingos depois do Fantástico.

A estreia está prevista para 16 de maio, logo após o Fantástico; a nova versão do programa chega ao vídeo dia 11. A Eliminação se estende até 18 de julho, domingo anterior à grande final do No Limite.

A justificava para tal reprise está no êxito do BBB 2021 aos domingos. No último (25), a atração conduzida por Tiago Leifert bateu recorde no Rio de Janeiro (31 pontos) e igualou sua melhor marca em São Paulo (28). No Limite, porém, padece com o caráter frio. Não há interação do público com o jogo, o que tende a afetar o interesse pelo programa.

Plateia menor

Com uma média de 28 pontos, Império é a novela menos assistida entre as edições especiais do horário nobre. A saga de José Alfredo (Alexandre Nero) não conseguiu reverter o desempenho mediano de A Força do Querer (29) e está 6 pontos abaixo de Fina Estampa (34), também escrita por Aguinaldo Silva, em comparação com seus primeiros 13 capítulos.

As inéditas vêm

A Globo intensificou os cuidados contra a Covid-19 nos bastidores das gravações de Nos Tempos do Imperador, Quanto Mais Vida Melhor e Um Lugar ao Sol, possíveis próximas novelas das 18h, 19h e 21h, respectivamente. Além de aumentar a frequência dos testes, os próprios atores são responsáveis pela maquiagem e penteado. Muitas cenas estão sendo reescritas para garantir a segurança das equipes.

Passos lentos

Por conta da pandemia, a Netflix ainda não deu início às gravações da aguardada segunda temporada de Bom Dia, Verônica. O início dos trabalhos está previsto para julho. A produção segue com os criadores e roteiristas Raphael Montes e Ilana Casoy. Direção de José Henrique Fonseca.

Vida, vida, vida…

Dia desses, ao relembrar uma cena de Viver a Vida (2009) no Instagram, o ator José Mayer confundiu o título da trama e a “rebatizou” de Amor à Vida. Curioso é que Taís Araújo, sua parceira de cena na trama de Manoel Carlos, cometeu o mesmíssimo erro ao agradecer aos portugueses por acompanharem a exibição da novela por lá. A novela citada erroneamente foi escrita por Walcyr Carrasco em 2013.

Memória

Novela de Benedito Ruy Barbosa, baseada no romance de Maria Dezone Pacheco Fernandes, Sinhá Moça completa 35 anos nesta quarta-feira (28). O romance entre os abolicionistas Moça (Lucélia Santos) e Rodolfo (Marcos Paulo), perseguidos pelo pai dela, Ferreira, o Barão de Araruna (Rubens de Falco), foi recordista de vendas do Grupo Globo por anos. A trama, com passagem recente pelo Canal Viva, ainda não tem previsão de estreia no Globoplay.

Roda de Fogo
Marcílio Moraes estranha sumiço de capítulo 90 de Roda de Fogo (Imagem: Reprodução / Globo)

Falando nisso…

A explicação do streaming ao site Notícias da TV para a falta do capítulo 90 da novela Roda de Fogo (1986) no catálogo surpreendeu o autor da trama, Marcílio Moraes. Segundo o serviço de streaming da Globo, o capítulo ausente não foi encontrado nos arquivos originais e provavelmente seria a reexibição do capítulo anterior.

Fico surpreso com essa explicação. Reprise de um capítulo na era do Boni, tanto quanto me recordo, era impensável, seria um rebaixamento ao nível do SBT. Não lembro de ter visto reprises de capítulos em todos os 19 anos em que estive na Globo“, recorda o escritor.

Durante conversa com esta coluna, Marcílio encontrou nos seus arquivos os textos originais do episódio que foi ao ar no dia 6 de dezembro de 1986. “Se não tivesse sido exibido no dia certo, quebraria a sequência dos capítulos que naturalmente terminariam num múltiplo de seis, no caso, 180, na verdade 179, porque o último era repetido – essa era a única reprise admitida”, afirma Marcílio.

A coluna esclareceu o caso em edição extra publicada ontem (27).

Duh Secco e Daniel RibeiroDuh Secco e Daniel Ribeiro
A coluna Curto-Circuito é assinada por Duh Secco e Daniel Ribeiro, editor-assistente e repórter especial do RD1, respectivamente, e reúne, de terça a sábado, logo cedinho, o que é e vai virar notícia nas próximas horas envolvendo os movimentados bastidores da TV.
Veja mais ›