Globo faz pedido a Faustão após climão com Flamengo

Faustão
Faustão acatou a pedido feito pela Globo (Imagem: Reprodução/ Globo)

A Globo decidiu tomar uma atitude contra Fausto Silva, após o climão gerado pelo apresentador que envolveu a emissora e o Flamengo. Isso porque as partes estão em negociação de um contrato que envolve milhões.

De acordo com o colunista Cosme Rímoli, do R7, o canal pediu para que o seu contratado não toque mais no assunto, principalmente se isso acontecer de forma improvisada.

Além disso, a empresa deixou claro que a voz oficial do Esporte é de Galvão Bueno, que fala somente o que é acordado, previamente, com a direção.

A publicação informou ainda que Faustão teve de acatar a decisão dos diretores, que estão em pé de guerra com o Flamengo, campeão da Libertadores e do Brasil.

O clube não aceitou ainda um acordo com a Globo, que segue sendo pressionada por patrocinadores, que bancam cerca de R$ 1,8 milhão pela transmissão do futebol no canal e desejam ter suas marcas exibidas em jogos do time.

Nos bastidores da emissora rolam boatos de que o apresentador do Domingão atrapalhou uma possível reaproximação entre as partes e que, por isso, permitiu a exibição do direito de resposta com um tom agressivo contra o artista.

Time detona Faustão

Antes de exibir as palavras dos dirigentes do Flamengo, o comunicador disse: “Foi feita uma crítica específica da minha parte com relação à dignidade humana, porque não há nenhuma indenização para a dor de quem perdeu o filho […] Quando se faz uma crítica, corre-se o risco que as pessoas criticadas podem não aceitar e querer o direito de resposta. Os dirigentes se sentiram desrespeitados e, através de advogados, exigiram o direito de resposta”.

Em seguida, a Globo colocou no ar a resposta, que durou dois minutos. “Mostrando seu total desconhecimento sobre o caso, o apresentador da Rede Globo destilou uma série de acusações infundadas que, além de atacar a honra dos dirigentes, acabaram também por atingir a imagem da instituição Flamengo”, afirmou a diretoria em um dos trechos.

“O Flamengo sempre se colocou à disposição das famílias para celebração de acordos, já tendo celebrado acordo com 20 famílias, restando, apenas seis famílias a serem indenizadas”, completou o grupo liderado pelo presidente Rodolfo Landim.

O caso

Cabe lembrar que tudo começou quando Fausto Silva dedicou um espaço do Domingão do último dia 9 de fevereiro para desabafar sobre a situação do time carioca. No programa, ele relembrou o incêndio no CT do Flamengo, que completou um ano, e fez duras críticas ao comportamento de dirigentes do clube.

“É inadmissível, indecente o comportamento dos diretores do Flamengo no caso do incêndio. O problema não é dinheiro, até porque dinheiro algum vai trazer as vidas de volta”, iniciou o comunicador.

A fala do apresentador fez referência à tragédia no Ninho do Urubu, que deixou 10 mortos e três feridos. Até o momento, no entanto, o Rubro-Negro fechou quatro acordos em 11 negociações.

“O problema é principalmente caráter, ter a sensibilidade, um tanto de humanismo. Como é que esses dirigentes conseguem chegar em casa e olhar os filhos e olhar os netos, sem nenhum respeito a quem perdeu as crianças? É revoltante em todos os aspectos“, completou ele.

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

WordPress Lightbox