Globo faz últimos ajustes para a cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio

Galvão Bueno
Globo definiu equipe que irá trabalhar nos Jogos Olímpicos de Tóquio (Imagem: Divulgação / Globo)

A partir do próximo dia 23 de julho, começam os Jogos Olímpicos de Tóquio. As disputas serão acompanhadas de perto por duas emissoras brasileiras: Globo, que detém os direitos de transmissão com exclusividade, e Band. Ambas enviaram equipes de profissionais para compartilhar com os telespectadores as principais informações do que acontecerá no Japão.

A emissora carioca dará início aos trabalhos nesta segunda-feira (18), ao reunir os profissionais que participarão da cobertura, entre eles narradores e comentaristas, em um hotel da Barra da Tijuca. Inclusive, desde já, todos irão começar a se adaptar ao fuso horário, que tem 12 horas à frente. A grande maioria das competições ocorrerá em plena madrugada.

No Rio de Janeiro, a Globo terá três bases diferentes focadas nos Jogos: Jardim Botânico, Barra da Tijuca, em estúdios especiais, e um outro em Jacarepaguá, na sua sede principal. Com muito aparo tecnológico e telões, o canal pretende fazer com que os telespectadores se sintam em Tóquio.

A construção do estúdio é baseada no cenário visto na Copa do Mundo da Rússia, em 2018, e terá a perspectiva de 270º com imagens ao vivo do país onde acontece o evento. Algumas transmissões serão realizadas ao vivo dos Estúdios Globo e um programa olímpico diário no SporTV, com Marcelo Barreto e o técnico de vôlei Bernardinho no comando. Cabe ressaltar que o canal pago está mobilizando uma grande equipe, já que irá utilizar quatro canais e terá uma cobertura 24 horas.

Joana Thimoteo, diretora de Eventos Esportivos da Globo, comentou: “Estamos preparando algo muito legal. Tivemos que nos reestruturar e temos um novo desenho para enfrentar tudo. Tóquio 2020 será extremamente simbólico, onde estaremos falando sobre o reencontro das nações“.

Enquanto isso, a Band, através do BandSports, terá algumas pessoas diretamente de Tóquio, mas, assim como a Globo, deixará os narradores e comentaristas no Brasil. Porém, um problema vem preocupando a direção. Um novo surto de Covid-19 afetou alguns integrantes do departamento de esportes. Sendo assim, grande parte da equipe foi afastada.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›