Gloob vai estrear primeiro reality show da sua história

Gloob
Gloob vai estrear primeiro reality show da sua programação (Imagem: Divulgação / Gloob)

O Gloob, canal infantil da Globo na TV por assinatura, tem sinal verde para a produção do seu primeiro reality show. Com coprodução da Fábrica, o programa deve estrear na programação no mês que vem.

De acordo com as informações da jornalista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, Fuja se For Capaz! vai colocar duas equipes dentro de uma sala para resolver enigmas. A cada episódio, um confronto inédito entre dois times.

Setembro também marca a estreia de Ursinhos Carinhosos – Libere a Magia, remake do clássico dos anos 1980 exibido na TV aberta. A animação é em 2D e trata-se de uma produção da produtora norte-americana Cloudco Entertainment.

Os Canais Globo estão investindo pesado para os próximos meses. É o caso do Multishow, canal de entretenimento do grupo e responsável pela contratação de Marcos Mion para uma enxurrada de programas no ano que vem.

O apresentador já está acertado para o comando de um programa de relacionamentos, O Túnel do Amor, e um programa de variedades com contato direto com o público na internet. Além dele, o Multishow quer seguir com Ivete Sangalo à frente do Música Boa Ao Vivo.

No GNT, depois do anúncio de um programa com apresentação de Emicida, atualmente no Papo de Segunda, João Vicente de Castro foi especulado como parte de um novo projeto, mas a pandemia deu uma mexida nas pretensões dos executivos do canal.

Em entrevista ao O Globo, o artista falou sobre seus posicionamentos recorrentes ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). “Já perdi trabalho, campanha e não me importo. Posicionar-se hoje é de uma importância determinante. O país tem milhares de mortos por coronavírus e o presidente faz chacota com quem perdeu a vida. Quem o defende tem mágoa com o progressismo que vai além do conservadorismo. O que o Bolsonaro faz não são atitudes de um governo de direita, é violência!”, destacou.

Ao ser questionado sobre acabar dando visibilidade ao governante com suas críticas, ele ressaltou: “A única forma de fazer com que as pessoas vejam que ele é um atraso é usando a nossa rede de comunicação. Se a gente conseguir fazer com que uma pessoa entenda o quão nocivo é o governo Bolsonaro, já fizemos o nosso trabalho. Concordo com você que falar sobre ele faz com que fique na crista da onda, mas a situação está mudando. Estão vendo que ele é incompetente. Ouvia muito que os artistas estavam bravos porque acabou a mamata. Nunca peguei um real do Governo”.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›