Jovem Pan se empolga após estreia na TV e quer lutar com a Globo pelo Brasileirão

Globo
Jovem Pan demonstra interesse pelo Campeonato Brasileiro (Imagem: Reprodução / Globo)

A Jovem Pan está engatinhando na TV por assinatura, mas quer dar passos de gente grande nos próximos meses, talvez semanas. Antônio Augusto Amaral de Carvalho Filho, o Tutinha, chefão da empresa, está conversando com dois times para a transmissão do Campeonato Brasileiro a partir de 2022.

O empresário está dialogando com os representantes de Palmeiras e Athletico Paranaense para os direitos de transmissão dos seus respectivos jogos no Campeonato Brasileiro do ano que vem para o JP News, o canal de notícias do Grupo. A informação é do Notícias da TV.

A rádio tem contato com o Athletico-PR no pay-per-view no canal Jovem Pan Esportes, no YouTube, e existe um interesse das duas partes em ampliar o contrato para a TV por assinatura. O Palmeiras não diz nada para a JP ou para a Globo, que também está no páreo.

O novo canal de notícias tem reservado a faixa das 16h às 20h, dos domingos, para transmissões em áudio do Brasileirão e pós-jogo com o programa Canelada. O Camisa 10, programa esportivo diário, também soma ao catálogo de esportes da grade de programação.

Como começou…

Após o fim do acordo com a WarnerMedia, que encerrou a parceria com os times no mês passado, a Globo correu e assinou com a maioria dos “abandonados”: Bahia, Ceará, Santos, Coritiba, Juventude e Fortaleza.

Palmeiras, Santos, Fortaleza, Ceará, Bahia, Athletico-PR e Juventude, caso continuem na Série A, vão representar 35% dos jogos do Campeonato Brasileiro no ano que vem.

Culpa da Turner

O interesse da Jovem Pan pelos jogos dos dois times da Série A do Campeonato Brasileiro vem de encontro com o anúncio da Turner, que a partir da próxima temporada “não exercerá o direito de transmitir o Campeonato Brasileiro da Série A, sob a marca TNT Sports a partir de 2022”.

Os contratos e as transmissões seguem normais até o fim do ano. Para a empresa de comunicação norte-americana, “a oferta de transmissão fragmentada do Campeonato Brasileiro de Futebol não permite à companhia proporcionar uma experiência integral aos seus assinantes”.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›