Leo Jaime dá sermão sensacional em Maurício do vôlei e esquenta discussão na web

Leo Jaime
Leo Jaime se manifesta após ataque homofóbico de Maurício do vôlei (Imagem: Reprodução / Globo)

Leo Jaime foi mais um nome do meio artístico que criticou Maurício Souza, do vôlei, por causa do comentário homofóbico do atleta. Sem rodeio, o artista soltou sua opinião e deu um conselho dos mais simples para o ex-jogador do Minas Tênis Clube: “Não curte gay? Não case com um”.

No Twitter, o ator mandou vários recados para Maurício. Em um trecho do seu post, Jaime pediu para que Maurício “deixe cada um ser feliz como quiser”:

“Uma dica para o rapaz desavisado: não curte gay? Não case com um. E deixe cada um ser feliz como quiser. Pergunte para um gay se ter visto nas telas um milhão de beijos héteros mudou o desejo dele. Se o seu muda ao ver um beijo num quadrinho, amiga. Nem te conto”.

Um internauta contestou a posição de Leo Jaime contra Maurício. “As pessoas talvez não estão se dando conta que essas atitudes irão causar muito mais segregação e preconceito, e pior, esse efeito será irreversível para a sociedade. Imposição não é o caminho!”, argumentou.

O famoso rebateu: “Você acha o quê? Pede por favor ao criminoso? E ele, graciosamente, vai atender? Lembrando: homofobia é crime!”.

Homofobia com HQ

Maurício Souza ficou irritadíssimo depois que foi divulgado uma nova HQ do Superman como bissexual. “Ah, é só um desenho, não é nada demais’. Vai nessa que vai ver onde vamos parar”, atacou no Instagram.

A campanha contra o jogador de vôlei movimentou as redes sociais nos últimos dias e chegou ao Minas Tênis Clube, que encerrou o acordo com o atleta.

“O Minas Tênis Clube informa que o atleta Maurício Souza não é mais jogador do Clube”, informou o perfil oficial do time no Twitter.

Confira:

MAIS LIDAS

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›