Livres da Record, Xuxa e Marcos Mion choram de alegria em programa da Globo

marcos mion xuxa
Xuxa e Marcos Mion se emocionam no Caldeirão (Imagem: Divulgação / Globo)

A felicidade de Xuxa e Marcos Mion em desassociarem suas imagens de uma vez por todas da marca Record transparece nos mínimos detalhes.

Visivelmente, a antiga emissora não trazia bons sentimentos para os dois. Dessa forma, a sensação era de que trabalhavam pela necessidade e não por vontade.

Numa marca de prestígio como a Globo, que é bem trabalhada e proporciona alto valor profissional para a imagem dos dois, a sensação é diferenciada. O oposto disso.

Os próprios funcionários vestem a camisa da empresa e publicitam isso nas redes sociais. É o que tem acontecido com Marcos Mion.

E até quem não tem contrato com a empresa, como é o caso de Xuxa, se sente valorizada por qualquer associação de sua imagem com a do canal, ainda que em pequenas participações especiais.

A última edição do Caldeirão do Huck foi um exemplo claro disso. Mion e Xuxa tiveram um reencontro emocionante, que foi refletido no interesse do público nas redes sociais.

No palco do programa, a apresentadora declarou: “Sou sua fã, torço por você demais. Olha, aqui as pessoas não conhecem o Mion que eu conheço”.

Tudo isso foi feito de forma natural, em um formato de programa cuja atual proposta é ser leve e alto astral. Mas a verdade por trás dos sentimentos prevaleceu. Xuxa ainda declarou:

“As pessoas vão se apaixonar ainda mais por você. Você tem que saber que tem uma fã de carteirinha. A gente torce, e você é merecedor. Isso aqui é só o início, e quando você estiver ganhando tudo o que sempre quis, vai ver eu te aplaudindo”.

E Mion caiu no choro. Nas redes sociais, o público de casa também se emocionou com o que foi mostrado. Um deles, inclusive, observou com desdém as regras burocráticas que engessam ainda mais a imagem da antiga emissora dos dois:

“O Mion mostrando a tatuagem religiosa. Na Record, ele tinha que esconder. Já a Xuxa não podia usar acessórios com crucifixo. Lembro até da gravação que ela atrasou três horas porque chegou com cabelo rosa e teve que voltar ao loiro”.

Curiosamente, Xuxa e Mion chegaram a chorar em um especial de fim de ano da Record, mas lá, a intenção do programa era realmente essa.

Xuxa e Marcos Mion foram apenas os primeiros

Eles foram privilegiados com o interesse da Globo em seus nomes, mas isso é o reflexo do que acontecerá com todos os demais artistas que se dispuserem em desassociar imediatamente suas imagens com canais como a Record e o SBT.

Eliana, inclusive, deu início a um processo estratégico para deixar de ter “cara de SBT”. O ensinamento que fica é que, a partir de agora, as emissoras de TV aberta terão duas opções:

1: Reposicionam estrategicamente as suas imagens no mercado, para tentar recuperar o tempo perdido e oferecer valor significativo para as pessoas.

2: Permanecem no atual patamar decrescente com relação ao prestígio do público, funcionários, colaboradores e, principalmente, os artistas contratados.

“Se pintar convite da Globo eu vou de joelhos”, já dizia a atriz Adriana Birolli, num claro exemplo de tantos outros profissionais que trabalham nas emissoras citadas pela necessidade e não por vontade própria.

Gostou do conteúdo? Siga @rd1oficial no Instagram e RD1.com.br no Facebook para acompanhar as últimas notícias dos famosos.

MAIS LIDAS

Lucas Medeiros
Redator Publicitário e Gestor de Marcas. Formado em Comunicação Social pela UFRN, escreve desde 2011 sobre o universo televisivo, séries, filmes e novas mídias de forma conectada com as tendências da atualidade.
Veja mais ›