Mãe de Gabriel Medina faturou R$ 5,5 milhões após briga com o surfista

Gabriel Medina
Gabriel Medina assinou contrato beneficiando a mãe, sem nem perceber (Imagens: Reprodução – Instagram / Montagem – RD1)

Brigado com Simone Medina, Gabriel Medina por pouco não teve que pagar um valor alto para a mãe todo mês. Segundo a coluna de Leo Dias, do Metrópoles, o surfista assinou, sem se dar conta, um contrato que garantia o benefício para a empresária.

No documento assinado pelo atleta, ele se comprometia a pagar R$ 200 mil por mês à mãe ao longo de 20 anos. De acordo com amigos de Gabriel, o famoso nem lembra quando assinou o contrato.

Ainda segundo relatos de pessoas próximas a Medina, o lema da família para ele era: “Você deve apenas surfar e não se preocupar”. Estima-se que entre 2014 e 2020 a mãe do atleta tenha recebido o equivalente a R$ 20 milhões do filho.

Apesar de ter assinado o contrato, Gabriel conseguiu suspender o acordo. No entanto, para isso, ele teve que pagar um valor milionário. Simone faturou R$ 5,5 milhões dos lucros acumulados da SGM Esportes, empresa que fundaram juntos em 2014.

Por esse valor, a empresária passou para o filho os 25% da participação acionária que tinha no negócio.

De acordo com a publicação, ao longo dos 20 anos que gerenciou a carreira do primogênito, Simone adquiriu três casas em Maresias, um Audi Q5, um Hyundai HB20 e uma moto Agrale.

Recentemente, a mãe do famoso fez um desabafo nas redes sociais e afirmou que sua saúde mental e física ficou abalada por causa da exposição das recentes polêmicas de sua família. No Instagram, ela desabafou:

“Gente, sinceramente… claro que respeito Instagram de fofoca, como respeito a todos. Sei que dá engajamento, tem gente que paga as contas com isso, sei que dá trabalho e tem que ter dedicação, mas vocês não tem ideia do quanto isso faz mal para a alma!”.

“Ver coisas tão pessoais passando pela boca de tanta gente que não tem nada a ver. Isso adoece real! Posso afirmar porque já prejudiquei minha saúde mental e consequentemente, física. Desenvolvi uma doença de tireoide, por causa da força negativa que isso tem”, acrescentou.

“Sério, apenas reflitam um pouco. Tanto você que consome esse conteúdo e vai lá opinar, julgar, esquecer de todos os seus defeitos para criticar os outros, quanto você poderia estar usando a sua inteligência e dedicação com outro emprego mas usa a energia para ‘trabalhar’ com algo que simplesmente estraga vidas, faz as pessoas brigarem, discutirem, chorarem, se destruírem… Muito triste, gente! Sério”, completou.

“Para você é só uma gracinha, para a pessoa que está na história é uma tragédia. Todo mundo sofre, cara. Não tem essa de vida pública. As pessoas são públicas pela vida profissional, não pela pessoal. Sei que não posso desejar que parem, mas desejo que os que são alvo de fofoca, tenham saúde mental para não deixarem essas opiniões serem maiores que a própria força pessoal”, encerrou.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›