MC Gui é proibido de viajar durante dois anos após aglomeração em cassino

MC Gui
MC Gui deu o que falar ao ser flagrado em um cassino durante a pandemia (Imagem: Reprodução / Instagram)

MC Gui sofreu as consequências por ter frequentado um cassino durante a pandemia. Segundo informou o UOL, o Juizado Especial Criminal do TJSP (Tribunal de Justiça de São Paulo) decidiu que o funkeiro não vai poder viajar sem autorização judicial e deve se apresentar à Justiça a cada três meses, de forma presencial, para informar suas atividades.

A decisão foi tomada após o artista ser flagrado, em março deste ano, em um cassino clandestino em São Paulo, durante o período de restrições de circulação devido à pandemia. Na ocasião, o jogador do Flamengo, Gabigol, tão foi encontrado no local.

De acordo com a publicação, a suspensão condicional do processo estabelece outras medidas para serem cumpridas por MC Gui como, por exemplo, proibição de frequentar casas de jogos e prostituição. O cantor deverá obedecer as limitações impostas pela Justiça por dois anos.

Declaro a suspensão do processo por dois anos com as condições previstas no § 1º, incisos II a IV do mencionado artigo, ou seja, proibição de frequentar lugares de reputação duvidosa; casas de jogos, casas de prostituição, proibição de ausentar-se da comarca onde reside, sem autorização do Juiz, por mais de 15 (quinze) dias; comparecimento pessoal e obrigatório a Juízo, TRIMESTRAL, para informar e justificar suas atividades, assim que liberado o ingresso ao fórum para as referidas justificações, tudo sob pena de revogação. Determino à serventia a fiscalização das apresentações à Justiça, mediante elaboração de termo de comparecimentos. Deixo registrado, por fim, que a contagem do prazo de dois anos inicia-se desde já, inclusive no que concerne às apresentações à Justiça“, diz a nota.

Mesmo após ser flagrado no cassino, Gui esteve, em seguida, em uma festinha em Bertioga, no litoral de São Paulo, com influenciadores digitais. A informação é da coluna de Fábia Oliveira, do jornal O Dia. Apesar da equipe do funkeiro não ter se pronunciado sobre o evento na praia, os profissionais que trabalham com o jovem emitiram um comunicado a respeito da situação no cassino.

Na ocasião, Gui mandou uma nota à imprensa dizendo que estava em uma casa de poker e que já havia dado esclarecimentos à polícia. “Esclarecendo, para que a Vigilância possa atuar no fechamento e retirada das pessoas do local, necessitam acionar autoridades locais, a fim de evitar maiores tumultos. O artista já prestou os esclarecimentos necessários e colaborou com o que foi solicitado a quem de direito. Neste momento o artista MC GUI não tem mais nada a declarar acerca do ocorrido“, afirmou o comunicado.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›