Milton Leite dispara contra Thiago Silva por defender Neymar após polêmicas

Milton Leite
Milton Leite desabafou contra declaração de Thiago Silva (Imagem: Reprodução / SporTV)

Milton Leite aproveitou um momento do Redação SporTV, nesta quarta-feira (13), para rebater um discurso de Thiago Silva em coletiva de imprensa. Ontem (12), o zagueiro disse que as críticas a respeito de Neymar são exageradas.

“Eu não concordo com o Thiago, aliás ele perde muita chance de ficar quieto, fala muita bobagem. Acho ele um baita jogador, mas nesse ponto de se posicionar ele perde muito a chance de ficar quieto“, disparou o narrador.

Milton Leite seguiu: “Se a gente não cobrar do Neymar, vamos cobrar de quem? Do Rafinha que está chegando agora? Nós temos que cobrar do Neymar, faz parte de quem é considerado um dos melhores jogadores do mundo, ele não está jogando nada”.

O contratado do Grupo Globo ainda afirmou que os jogadores devem entender que as cobranças vão acontecer. “O jogador de futebol ganha um bom dinheiro, inclusive, para aguentar esse tipo de coisa. O Neymar tem o salário que tem para ser cobrado como o jogador importante que ele é no mundo inteiro“, disse.

O jornalista aproveitou e disse que o problema da Seleção Brasileira é que a equipe de Tite tem apenas Neymar de craque.

“Eu acho que hoje a seleção brasileira é formada por coadjuvantes, tem um craque, que é o Neymar, que não passa por um bom momento, e é rodeado por coadjuvantes. Tirando os goleiros, que, para mim, são os melhores do mundo, e também o Marquinho e o Casemiro, na parte da frente nós não temos grandes jogadores”, completou Milton.

Ontem, o jogador saiu em defesa de Neymar: “É uma situação bem difícil. A gente, embora saiba que sofremos pressão de todos os lados, mas é uma pressão diferente. Parece direcionada e individual. A gente deixa muito de lado o que ele vem fazendo dentro de campo e focando em coisas que não são interessantes. Ele se cobra muito”.

“A gente sabe que tem que jogar melhor, ter um entrosamento melhor. Ele sabe que não fez um jogo de Neymar. Tem essa autocrítica. Mas fica uma cobrança muito forte e coisas que não tem nada a ver. Eu passei por momentos semelhantes, principalmente depois da Copa de 2014. Fui tachado de chorão, de psicológico fraco”, comentou ainda.

O zagueiro completou: “Coisas que vão te machucando e você sabe que não é. Espero que ele não perca essa alegria. Ele é um moleque super especial. Quando está alegre fazendo o que gosta, sempre dá conta do recado e desempenha o que sempre desempenhou. É melhor para a nossa Seleção”.

MAIS LIDAS

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]
Veja mais ›