Ministério da Justiça reclassifica Round 6 e libera somente para maiores de 18 anos

Paulo Carvalho

23/10/2021

Round 6

Round 6 é alvo do Ministério da Justiça (Imagem: Divulgação / Netflix)

Membros do Ministério da Justiça também são telespectadores do Round 6, nova série da Netflix responsável por milhões em faturamento, repercussão e audiência. A produção acaba de ter a sua classificação indicativa revista pelo órgão federal.

De não recomendada para menores de 16 anos, Round 6 agora é não recomendada para menores de 18 anos. Segundo o MJ, a mudança vem à tona por ter “presença de conteúdo sexual, de violência extrema e de drogas lícitas”.

A produção é um dos assuntos mais comentados nas redes sociais desde a estreia no catálogo da Netflix.

Os produtores de Round 6 já garantem uma nova temporada para o ano que vem, mas não adiantam nada sobre a nova leva de episódios.

Por enquanto, a série segue rendendo alta repercussão na internet e muita audiência para o streaming, superando produções “imbatíveis” como Bridgerton.

São raras as ocasiões onde o Ministério da Justiça se envolve em produções de plataformas de streaming.

Normalmente, o órgão é mais ligado ao que acontece na TV aberta. Os canais SBT e Record são constantemente alvos do MJ por reprises de novelas ou programas de auditório.

Nova sensação

No início do mês, a revista Veja informou que, desde a estreia, em 17 de setembro, Round 6 foi vista por 111 milhões de espectadores. Antes dela, o primeiro lugar era ocupado por Bridgerton, que nos primeiros 28 dias contabilizou 82 de milhões de acessos ao redor do mundo.

Desde o seu lançamento, a trama sul-coreana conseguiu, rapidamente, cair nas graças do público e das redes sociais, se tornando a mais assistida em 94 países, entre eles o Brasil.

Nos últimos dias, o Twitter revelou que a nova série da Netflix alcançou 165 milhões de pessoas no digital com apenas 11 dias de estreia na plataforma on demand.

Uma pesquisa realizada pela Decode mostrou que a megaprodução também tem sido um dos assuntos mais comentados no Twitter em 44 países, acumulando mais de 100 mil menções.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Paulo Carvalho
Escrito por

Paulo Carvalho

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e é especialista em Audiências da TV e TV aberta. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].