Neto reage furioso após público em jogo do Atlético Mineiro

Neto
Neto detona participação da torcida em estádio em jogo do Atlético Mineiro (Imagem: Reprodução / Band)

Neto não segurou as críticas contra o protocolo, ou melhor, a falta de regra para a participação da torcida do Atlético Mineiro no Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, no jogo entre o time mineiro e River Plate, válido pelas quartas de final da Libertadores.

“Você acha justo com o povo cobrar R$ 160?”, questionou ao vivo no Os Donos da Bola, da Band. “É justo com o povo fazer cumprir protocolo e depois na hora do estádio não ter protocolo nenhum?”, perguntou.

O apresentador ficou chocado com o número de pessoas no estádio, a maioria sem máscara de proteção contra a Covid-19. “Sem máscara, mais de 16 mil torcedores. É justo pro Palmeiras isso? Joga lá em Belo Horizonte com público e no Allianz sem, porque em São Paulo é só em novembro, né? Vamos ver se vai ser assim, mas é justo?”, indagou.

Para Neto, o que o país presenciou durante a partida “é uma vergonha para o mundo”. O ídolo do Corinthians rasgou o verbo contra a administração do clube:

“A maior vergonha pro mundo é a administração desse presidente, o que vocês fizeram ontem em Belo Horizonte é uma vergonha! Não é contra o Atlético, muita gente vai achar que eu tô contra o Atlético, mas não é, tô nem aí! O Atlético tem um baita time, montou um timaço, mas foi feio aquilo ontem”.

O ex-atleta encerrou com um conselho aos dirigentes da CBF: “A CBF, a Conmebol, tinha que entrar nisso aí: ‘falar não é assim, não vai fazer isso'”.

Confira:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›