Pandemia leva Hélter Duarte à bancada do Jornal Nacional; web repercute

Hélter Duarte
Hélter Duarte no Jornal Nacional deste sábado (28); jornalista estreia na bancada do noticiário (Imagem: Reprodução / Globo)

Com o rodízio de apresentadores das afiliadas suspenso por conta da pandemia de coronavírus – e sem o auxílio de profissionais de São Paulo e Brasília, impedidos de viajar –, o Jornal Nacional levou para a bancada, neste sábado (28), o tarimbado Hélter Duarte. O jornalista está na Globo desde 1989; nestes 31 anos, é a primeira vez que Duarte apresenta o JN.

Hélter estreou na TV Anhanguera, afiliada da emissora em Goiás. Com 21 anos, assumiu a bancada dos telejornais locais. Passou a produzir matérias para a rede através do Globo Rural e do Jornal Hoje, buscando inspiração nos textos de veteranos como Ernesto Paglia e Pedro Bial. Seguiu para Pernambuco em 1994. Na Globo Recife, emplacou sua primeira matéria para o Jornal Nacional.

Em 1999, Hélter Duarte transferiu-se para a Editoria Rio. Participou de coberturas importantes, como a do assassinato do colega Tim Lopes e do menino João Hélio. Em 2012, aceitou o convite para ser correspondente em Nova York. A esta altura, já integrava a equipe do Globo Repórter, além de conduzir noticiários locais e o BrasilTV, informativo que o canal exibe nas parabólicas.

A chegada de Hélter ao Jornal Nacional se dá em meio às mudanças causadas pelas medidas adotadas para evitar o avanço do covid-19 no Brasil. Além de limitar o rodízio dos fins de semana aos profissionais do Rio de Janeiro, a Globo afastou – conforme destacado na coluna de João Paulo Dell Santo no RD1 – Ana Luiza Guimarães e Chico Pinheiro, integrantes de grupos de risco.

Ana Luiza enfrentou um câncer de pâncreas há quatro anos; Chico tem mais de 60 anos. Para cobrir tais ausências, a emissora destacou Ana Paula Araújo, Flávio Fachel e Mariana Gross, todos do Rio. E, como também fora noticiado na coluna de Dell Santo, deve escalar nomes da GloboNews. A presença de Hélter no JN, pelo ineditismo, repercutiu nas redes sociais.

Confira:

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.

WordPress Lightbox