Regina Duarte rasga elogios a documentário sobre ascensão de Bolsonaro

Regina Duarte
Regina Duarte elogia Bolsonaro (Imagem: Reprodução / Agência Brasil)

Regina Duarte segue firme e forte com apoiadora do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e até foi nesta segunda-feira (20) assistir, em São Paulo, ao documentário Nem Tudo se Desfaz que mostra a ascensão à Presidência da República.

Ao jornal Folha de S.Paulo, a ex-integrante do governo Bolsonaro, que foi convidada para a pré-estreia do longa-metragem, destacou que é “importante conhecer a nossa história“.

“Adoro ele [diretor Josias Teófilo] Acho ele legal, um grade artista. Vim para ver o filme […]. Temos que viver nosso momento histórico intensamente. Se a gente quiser um futuro importante, bacana, temos que viver intensamente o nosso presente”, declarou a famosa.

Regina Duarte esteve no cinema Petra Belas Artes ao lado da deputada bolsonarista Carla Zambelli (PSL-SP). Outros nomes ligados ao governo, como o diretor-geral da Abin, Alexandre Ramagem, o ex-secretário de Comunicação da Presidência Fabio Wajngarten, os deputados federais Bia Kicis (PSL-DF) e Helio Lopes (PSL-RJ) e o deputado estadual Gil Diniz (sem partido), também estiveram presentes.

No começo do mês, Regina Duarte exibiu em seu Instagram o trecho de um comentário de Augusto Nunes, comentarista do Jornal da Record, e revelou que por pouco o Instagram não permitiu a sua manifestação sobre os atos antidemocráticos de Sete de Setembro.

Como solução, a artista gravou do celular o comentário do jornalista. “Pouco antes de postar, enquanto eu escrevia a legenda, apareceu neste vídeo um letreiro mais ou menos assim: ‘este vídeo está impedido de ser publicado’”, expôs na legenda do post.

Partilhei, incontinente, meio trêmula e me lembrando de Malu Mulher, Roque Santeiro… Tempos em que tínhamos que lutar pelo respeito à arte e à liberdade de expressão, tempo de lutas pelo direto de um lugar de fala como se diz”, afirmou.

No comentário, Augusto Nunes declarou: “A sensatez recomenda que ameaças recíprocas fiquem nos palanques, que o tiroteio seja interrompido e que os três Poderes tratem de cumprir as normas estabelecidas pela Constituição. Venha de onde vier, golpe é coisa de cabeça estacionada no tempo das cavernas. Que triunfem a liberdade e a democracia”.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›