Salve-se Quem Puder balança a web com finais polêmicos para mocinhas

Salve-se Quem Puder
Salve-se Quem Puder acaba com Alexia (Deborah Secco), Luna (Juliana Paiva) e Kyra (Vitória Strada) na mira de novo furacão (Imagem: Reprodução – Globo / Montagem – RD1)

Salve-se Quem Puder chegou ao fim e dividiu opiniões na internet. Uma parcela do público aprovou os finais de Alexia (Deborah Secco), Luna (Juliana Paiva) e Kyra (Vitória Strada), mas vários outros telespectadores detonaram as decisões de Daniel Ortiz, autor da trama.

Alexia retomou a carreira de atriz, casou com Zezinho (João Baldasserini) e deixou para trás a história com Renzo (Rafael Cardoso). Luna escolheu Téo (Felipe Simas) e não Alejandro (Rodrigo Simas), o seu amor de infância.

Talvez, Kyra tenha tomado a decisão que mais revoltou a web. Ela preferiu Rafael (Bruno Ferrari) e recusou o pedido de casamento de Alan (Thiago Fragoso).

No meio da novela, uma cutucada no presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e no seu eleitorado. No embate com Petra (Bruna Guerin), Alexia jogou a prima na água, na frente dos estúdios da Globo. Revoltada, a vilã chamou a emissora de “comunista” e disse que a empresa tinha planos contra “as pessoas de bem”.

No final, Alexia, Luna e Kyra viajaram para o México e após um mergulho no mar, a novela terminou com um novo furacão, semelhante ao que provocou a reviravolta na vida das mocinhas no início da história.

“Foi a melhor novela que assisti, mas ainda não vou superar que meus casais não ficaram juntos”, lamentou uma fã. “Foi a última novela que eu assisti sério, cansei de sofrer por novela é casais que nunca vai ficar juntos”, desabafou outro.

Confira a repercussão na web:

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›