Semana de viradas nas novelas ajuda audiência da Globo

Globo
Marcelo Faria (Elias) em Bom Sucesso; novelas da Globo crescem com “viradas” (Imagem: João Miguel Júnior / Globo)

As novelas da Globo passaram por “viradas” nos capítulos exibidos de 9 a 14 de dezembro. Com isso, a audiência cresceu – exceto a de Amor de Mãe, que manteve-se no mesmo patamar da semana anterior (2 a 7 de dezembro). Na Record, a estreia de Amor Sem Igual ficou abaixo da antecessora Topíssima, lançada em horário diferente, em maio. Os dados são referentes a Grande São Paulo.

Com Avenida Brasil (2012) destacando o fim da armação de Nina (Débora Falabella) e Betânia (Bianca Comparato), que fez Carminha (Adriana Esteves) acreditar ter se livrado da enteada Rita – na verdade, Nina –, o Vale a Pena Ver de Novo foi de 16,3 pontos para 16,9.

Malhação – Toda Forma de Amar trouxe a separação de Joaquim (Joaquim Lopes) e Lígia (Paloma Duarte); o veterinário foi flagrado aos beijos com a amante por Rita (Alanis Guillen), agora favorecida na disputa da guarda de Nina. Os índices cresceram, indo de 16,6 para 17,4.

Em Éramos Seis, Inês (Carol Macedo) voltou à casa de Afonso (Cássio Gabus Mendes), mexendo com a cabeça do crush Carlos (Danilo Mesquita). Outro filho de Lola (Gloria Pires), Alfredo (Nicolas Prattes), se descobriu apaixonado por Adelaide (Joana de Verona). Os números foram de 19,8 pontos para 20,8.

Bom Sucesso focalizou o acidente de Gabriela (Giovanna Coimbra), hospitalizada após salvar Alberto (Antonio Fagundes) de uma tentativa de assassinato arquitetada por Diogo (Armando Babaioff); a vida dela agora depende de Elias (Marcelo Faria), o pai que julgava morto. Dos 27,4 anotados entre 2 e 7 de dezembro, o folhetim foi para 28,8 de 9 a 14.

Amor de Mãe manteve 28,9 nas duas semanas. A trama compreendeu o início do romance de Danilo (Chay Suede) e Camila (Jéssica Ellen), bem como a saída de Sandro (Humberto Carrão) da prisão. Por conta do “novo filho”, Lurdes (Regina Casé) expulsou sua caçula, Érica (Nanda Costa), de casa.

Na Record, os quatro primeiros capítulos de Amor Sem Igual, exibidos às 20h30, fecharam com 8,5 pontos. Menos do que os 9,2 obtidos por Topíssima entre 21 e 24 de maio. A nova novela trouxe o primeiro encontro de Angélica / Poderosa (Day Mesquita), jurada de morte, e Miguel (Rafael Sardão).

Em reprise na faixa vespertina, A Escrava Isaura (2004) caiu de 6,1 para 5,9 de média. Caminhos do Coração (2007) seguiu com 4,4. Já O Rico e Lázaro (2017), reapresentada no horário nobre, perdeu audiência recebendo de Amor Sem Igual: de 7,2 para 6,3.

No SBT, apenas Cúmplices de um Resgate (2015) caiu, indo de 8,6 para 8,3. As reprises de Meu Coração é Teu e Abismo de Paixão foram, respectivamente, de 6,2 para 6,5 e de 6,3 para 6,6. As Aventuras de Poliana voltou a crescer, de 8,8 para 9,2 pontos, concorrendo com o novo cartaz da Record.

Duh SeccoDuh Secco
Duh Secco é  "telemaníaco" desde criancinha. Em 2014, criou o blog "Vivo no Viva", repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.
Veja mais ›